Diretor da Fiocruz testa positivo para o coronavírus e é o segundo caso confirmado pela FVS em Manaus

Conforme Fundação de Vigilância em Saúde não há nenhum caso confirmado em outros municípios do Amazonas.
18/03/2020 15h43 - Atualizado em 19/03/2020 14h11

Foto: Reprodução


Redação AM POST*

O biólogo e diretor da Fiocruz, Sérgio Luís Bessa Luz, 55, testou positivo para o coronavírus e encontra-se em isolamento domiciliar após ter chegado da Espanha no domingo (15/3), conforme informou a Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM) por meio da diretora-presidente, Rosemary Costa Pinto, durante coletiva realizada na tarde desta quarta-feira (18). Com esse anúncio, Manaus passa a ter dois casos confirmados de Covid-19.

De acordo com a FVS-AM, cerca de 39 casos suspeitos de coronavírus no Amazonas foram descartados pelo Laboratório Central do Amazonas (Lacen), que avalia os exames de possíveis infectados, entre eles o do vice-reitor da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), professor Jacob Cohen, que ontem (17) testou positivo para coronavírus mas a contraprova dos exames deu negativo para o vírus.

“O primeiro caso, a paciente procedente da Inglaterra, que já saiu do período de transmissibilidade, portanto, já encontra-se na situação curada. E nós temos um outro, que é o diretor da Fiocruz, que esteve na Espanha. Nós estamos acompanhando o resultado dele. Confirmou o resultado laboratorial da Fiocruz, ontem [terça-feira, 17], pela manhã. O Lacen procedeu essa amostra e confirmou que é um caso positivo. Esse paciente encontra-se muito bem, está em isolamento domiciliar, separado da família”, afirmou Rosemary.

Ainda segundo a diretora-presidente da FVS-AM, até o momento não há nenhum caso confirmado em outros municípios do Amazonas.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso