Ministério da Saúde quer criar passaporte de imunidade para pessoas que não podem mais transmitir coronavírus

Essas pessoas não podem mais transmitir ou ser infectadas, pois já adquiriram imunidade contra o vírus.
04/04/2020 18h21 - Atualizado em 4/04/2020 18h21

Foto: Reprodução


Redação AM POST

O ministério da Saúde pensa em formas de criar uma espécie de “passaporte da imunidade”, uma identificação para pessoas que contraíram o novo coronavírus (Covid-19), se recuperaram totalmente e já possuem anticorpos. A informação foi divulgada pelo secretário executivo do ministério da Saúde, João Gabbardo, durante coletiva de imprensa neste sábado (4).

De acordo com Gabbardo essas pessoas não podem mais transmitir ou ser infectadas, e já adquiriram imunidade. Elas podem ser úteis no contato com grupos sensíveis, como idosos, e possivelmente são aptas a retomar certas atividades.

De acordo com a pasta, o número de infectados, no momento, no Brasil é de 10.278 e 432 mortes. Houve um aumento de 51 casos positivos para coronavírus (Covid-19) no Amazonas e o número de pacientes infectados é de 311 neste sábado (4), conforme informações da Fundação de Vigilância em Saúde (FVS).


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso