Brasil registra 39.436 novos casos de Covid-19 e mais 1.374 mortes

O país é o segundo do mundo com maior número de casos e mortes devido ao vírus.

Reuters

O Brasil registrou nesta terça-feira o segundo maior número de casos diários de coronavírus desde o início da pandemia, com a notificação de 39.436 novas infecções, o que eleva o total no país a 1.145.906, informou o Ministério da Saúde.

A cifra fica abaixo apenas da verificada na última sexta-feira, quando o país contabilizou um recorde de mais de 50 mil casos no dia por causa de uma instabilidade em contagens estaduais no dia anterior, segundo o ministério.

Em relação ao número de mortes, o Brasil registrou nesta terça 1.374 novos óbitos em decorrência da Covid-19, atingindo um total de 52.645.

O país é o segundo do mundo com maior número de casos e mortes devido ao vírus, atrás apenas dos Estados Unidos, que possuem cerca de 2,3 milhões de infecções confirmadas e 120 mil óbitos.

A pandemia, porém, tem maior aceleração no Brasil do que nos EUA atualmente. O Centro para Controle e Prevenção de Doenças norte-americano (CDC, na sigla em inglês) reportou nesta terça-feira 26.643 novos casos e 410 novas mortes, números inferiores aos brasileiros.

Apesar da aceleração da pandemia no Brasil, muitas cidades e Estados iniciaram processos de reabertura econômica e flexibilização do isolamento social, incluindo São Paulo e Rio de Janeiro, os Estados mais afetados pelo coronavírus no país.

Segundo dados do ministério, São Paulo possui 229.475 casos e 13.068 mortes. Com um incremento diário de 434 óbitos, o Estado teve um novo recorde de mortes pela Covid-19 em 24 horas, embora o governo afirme que os dados estão no patamar mais baixo dos cenários projetados pelas autoridades de saúde.

No final de semana começaram em São Paulo testes de uma vacina para o coronavírus desenvolvida pela Universidade de Oxford em parceria com a biofarmacêutica AstraZeneca, e o governo federal disse que pode assinar em breve uma parceria para produção local da vacina.

O Rio de Janeiro vem na sequência na contagem do ministério, ultrapassando a marca de 100 mil casos, com 100.869 infecções, além de 9.153 mortes. O Ceará tem 97.528 infecções e 5.717 óbitos, acrescentou a pasta.

Os dados foram atualizados às 19h desta terça-feira. O Brasil, ainda de acordo com o ministério, possui 613.345 pacientes recuperados da Covid-19 e 479.916 em acompanhamento.

A taxa de letalidade da doença no país é de 4,6%.