• Em Manaus, homem é preso após extrair minério sem licença e causar danos ambientais

    Todo o material utilizado nas ações ilegais foi apreendido, entre eles, duas balsas, um empurrador, três tratores e quatro caminhões.
    25/06/2020 12h51 - Atualizado em 25/06/2020 17h41

    Foto: Divulgação


    Redação AM POST

    Policiais militares do Comando de Policiamento Ambiental (CPAmb), por meio do Batalhão de Policiamento Ambiental (BPAmb) e em conjunto com a 20ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), detiveram, na manhã desta quarta-feira (24/06), um homem por extração irregular de minério e danos ambientais a áreas de preservação permanente no bairro Tarumã, zona oeste de Manaus.

    Por volta das 11h, a equipe da polícia ambiental deslocou-se até o ramal do Milton, na BR-174, quilômetro 15, bairro Tarumã, para atender a uma ocorrência de extração ilegal de minérios, que causava dano ambiental direto à área de Preservação Permanente do Tarumã-Açu.

    Chegando ao local, a guarnição identificou o proprietário do areal, maquinários utilizados e as irregularidades. Questionado sobre as ações irregulares cometidas no local, o homem informou que possuía Licença de Operação. Porém, foi constatado pelos policiais que as atividades não estavam em conformidade com a licença apresentada e que tal ato configurava abuso de licença. Todo o material utilizado nas ações ilegais foi apreendido, entre eles, duas balsas, um empurrador, três tratores e quatro caminhões.

    Mediante os fatos, o infrator recebeu voz de prisão e foi encaminhado para a Delegacia Especializada em Crimes contra o Meio Ambiente e Urbanismo (DEMA) para os procedimentos legais.

    O CPAmb e o BPAmb orientam que executar pesquisa, extração de recursos minerais, entre outros, sem a devida permissão, licença ou autorização da autoridade competente configura crime ambiental, sujeitando seu(s) autor(es) às penalidades previstas na Lei.

    * Com informações da Assessoria de Imprensa


    *** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


    Facebook

    Economia

    Contato Termos de uso