Deputado da CPI da Saúde tem notebook furtado e suspeita de crime político

Fausto Júnior mandou recado, durante sessão virtual, aos criminosos que possivelmente lhe roubaram para atrapalhar a comissão.

Redação AM POST

O relator da CPI da Saúde, deputado Fausto Júnior (PRTB), denunciou nesta nessa quinta-feira (02) que teve notebook furtado de dentro de seu carro, quando estava em estacionamento de um supermercado, em Manaus.

Mesmo sem provas, o parlamentar acredita ser “crime político” para atrapalhar trabalho da CPI que tem o objetivo de investigar os gastos do Governo do Estado na saúde, entre os anos de 2011 a 2020.

Fausto Júnior também mandou recado durante sessão virtual aos criminosos que possivelmente lhe roubaram para atrapalhar a comissão. “Eu tenho backup, não adianta, não vai parar o relatório por causa desse crime político”, disparou.

O caso será investigado pela Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) a pedido da Assembleia Legislativa do Estado (Aleam).