Estudante de enfermagem é preso em flagrante após estrangular e estuprar vizinha em Manaus

Foi constatado que o acusado já tinha passagem pela polícia pelo mesmo crime.

Redação AM POST

Um estudante de enfermagem, identificado como Alderney de Oliveira Vieira, de 32 anos, foi preso em flagrante após estrangular e estuprar uma mulher de 27 anos na manhã desta sexta-feira (4), na rua Malvino Reis Neto, bairro Colônia Santo Antônio, zona Norte de Manaus.

Em relato, a vítima informou que mudou recentemente para o local com sua filha de 6 anos e sempre algum familiar ficava junto com ela para fazer companhia, no entanto, dessa última a criança ficou com um parente e ela ficou sozinha. Na ocasião, Alderney invadiu a residência sob posse de uma faca e a ameaçou de morte, ordenou que ela fosse para o quarto, a estrangulou e em seguida cometeu o ato libidinoso.

Ainda de acordo com a vítima, ela apagava e acordava quando ele a enforcava, na ocasião, relatou ainda que ele chorava falando que não queria ser preso. Por final, Alderney queria leva-la para a casa dele, foi quando ela disse que pegaria uma roupa para não sair pelada e ele permitiu. Foi quando a vítima aproveitou e correu nua e se agarrou em um homem que passava na rua e pediu para que ele acionasse a polícia porque havia sido estuprada.

O estudante ainda tentou desmenti-la mas a policia chegou no local e ele foi preso em flagrante. Após ser levado a delegacia para os procedimentos cabíveis, foi constatado que em 2012 ele já tinha cometido o mesmo crime contra outra vizinha.