Marcos Rotta e Alberto Neto devem desistir de pré-candidatura a prefeito de Manaus, aponta Durango Duarte

Segundo o pesquisador os dois políticos serão vices de outros pré-candidatos à prefeitura de Manaus.

Redação AM POST

Os pré-candidatos a prefeito de Manaus, Marcos Rotta (DEM) e Capitão Alberto Neto deverão (Republicanos) deverão desistir da candidatura majoritária para serem vices de concorrentes no pleito deste ano. A afirmação é do publicitário e pesquisador Durango Duarte durante entrevista ao programa Manhã de Notícias, da rádio Tiradentes.

“Temos a possibilidade, de na semana que vem, o deputado Alberto Neto também retirar a sua candidatura a favor de outra candidatura, o que faria que a eleição em Manaus que começou em janeiro com 21 pré-candidatos se resuma a 12, até o dia 16 de setembro, dia final de convenções partidárias”, destacou.

Sobre Marcos Rotta, o pesquisador disse que ele se tornará vice na chapa de Amazonino Mendes (Podemos) ou de David Almeida (Avante). “Amanhã [sexta-feira], o atual vice-prefeito de Manaus, Marcos Rotta, anuncia a retirada da sua candidatura e há 50% de chance de ser vice de Amazonino e 50% de chance de ser vice de David. O DEM no Amazonas não terá candidatura própria e migrará para um desses dois projetos”, afirmou.

Ainda segundo Durango, apesar do favoritismo evidenciado em pesquisas de Amazonino e David Almeida a eleição em Manaus não está decidida pois perto do dia da eleição muita coisa pode mudar.

“Eu diria que eles são favoritos, mas eu não sei se às vésperas da eleição, lá pelo dia 15 de novembro, se não haverá outra candidatura ou outros candidaturas que possam se tornar competitivas a ponto de reverter o atual favoritismo”, afirmou.

Ele adiantou que uma nova pesquisa sobre o pleito será divulgada no dia 29 de setembro, período pós convenções partidárias.