Pesquisar por em AM POST

Amazonas

Árbitra do AM é convocada para Jogos Pan-Americanos

A amazonense participa pela terceira vez de uma competição internacional pela Conmebol

  • Por AM POST

  • 24/08/2023 às 11:38

  • Atualizado em 24/08/2023 às 11:39

  • Leitura em dois minutos

Anne Kesy Gomes é a primeira árbitra assistente a ser convocada para os Jogos Pan-Americanos. A amazonense, que compõe o quadro da Federação Internacional de Futebol (Fifa), desde 2022, embarca em outubro para Santiago, no Chile, onde acontece a competição internacional.

“Ter a Anne Kesy entre os profissionais de arbitragem dos Jogos-Pan Americanos é muito importante para o Amazonas. Ficamos felizes por essa convocação, ela tem representado a força da mulher amazonense e com certeza desempenhará sua função da melhor forma”, comentou Jorge Oliveira, secretário de Estado do Desporto e Lazer (Sedel).

PUBLICIDADE

Graduada em Educação Física e Fisioterapia, Anne Kesy começou sua trajetória na arbitragem em 2009. E no ano de 2011, a amazonense ingressou na Confederação Brasileira de Futebol (CBF), sendo em seguida, em 2022, convocada pela Conmebol para compor o quadro de árbitros da Fifa.

Anne Kesy também atua como profissional de Educação Física no Programa RespirAR. Referência em sua profissão no Estado, a amazonense comenta com orgulho sobre a sua convocação para os jogos Pan-Americanos.

“Estou muito feliz de ser a primeira árbitra amazonense a participar de um Pan-Americano. O sentimento é de gratidão, em poder mostrar para o mundo que o Norte é potência no esporte”, comentou Anne Kesy.

PUBLICIDADE

Sonhadora e dedicada no que faz, Anne Kesy ressalta a importância do apoio ao esporte e, principalmente, a visibilidade do Amazonas no cenário esportivo.

Em 2022, a amazonense Anne Kesy participou de duas competições internacionais, como árbitra assistente da Fifa, o Campeonato Sul-Americano de Futebol Feminino Sub-17, disputado no Uruguai; e os Jogos Sul-Americanos, realizado no Paraguai.

PUBLICIDADE

“O futebol tem me levado a lugares que eu nunca imaginei, conheci vários países através do esporte. Quando eu comecei aos 17 anos, nunca imaginei que chegaria na arbitragem internacional. E o esporte transformou minha vida”, comentou.

Redação AM POST

PUBLICIDADE

O AM Post apoia a causa autista
blank

A mente de uma criança com Transtorno do Espectro Autista pode ser associada a um quebra-cabeças. Parece difícil de entendê-la no primeiro momento. Porém, quando utilizamos a metodologia certa as tornamos fácil e percebemos que as dificuldades podem ser superadas.

- Jorge Tertuliano

Faça parte da comunidade

  • Praticidade na informação

  • Notícias todos os dias

  • Compartilhe com facilidade

blank WhatsApp Telegram

Apoie o AM POST

O AM POST está há mais de 8 anos produzindo jornalismo sério e de qualidade. É uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Apoie

blank

Últimas notícias

blank
blank
blank
blank
blank
blank