Pesquisar por em AM POST

Amazonas

Cerca de 20 mil pessoas deixaram Manaus para passar virada de Ano-Novo nos municípios

Maioria das pessoas optou por utilizar o transporte hidroviário intermunicipal.

  • Por AM POST

  • 02/01/2024 às 11:31

  • Leitura em 1 minuto

Foto: Arsepam/Divulgação

Notícias do Amazonas A Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados e Contratados do Amazonas (Arsepam) encerrou o ano de 2023 com a Operação Ano Novo, registrando o fluxo de 19.611 passageiros nos transportes intermunicipais entre os dias 29 de dezembro e 1º de janeiro. A ação totalizou 667 fiscalizações, sendo 375 no modal rodoviário e 292 no hidroviário, sem ocorrências graves envolvendo os serviços intermunicipais.

O diretor-presidente da Arsepam, João Rufino Júnior, destacou que o resultado da operação ficou próximo ao estimado inicialmente, ressaltando que não ocorreram acidentes, alcançando assim o objetivo principal da agência de aumentar a segurança dos passageiros nos transportes intermunicipais.

PUBLICIDADE

A operação contou com o apoio do Batalhão de Policiamento de Trânsito (BPTran), da Polícia Militar do Amazonas (PMAM), da Superintendência Estadual de Navegação, Portos e Hidrovias (SNPH) e do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) para intensificar as fiscalizações.

Transporte Rodoviário:

6.701 passageiros utilizaram o serviço para chegar a Manaus ou acessar outros municípios do estado.

PUBLICIDADE

O Terminal Rodoviário Engenheiro Huascar Angelim, no bairro Flores, zona centro-sul da capital, liderou as saídas com 4.016 passageiros.

Iranduba (1.112 passageiros), Itacoatiara (1.033) e Manaus (865) foram as linhas mais procuradas.

PUBLICIDADE

Transporte Hidroviário:

12.910 passageiros utilizaram embarcações, sendo o Porto da Ceasa o principal ponto de saída, com 9.181 passageiros.

PUBLICIDADE

No modal hidroviário, os destinos mais procurados foram Careiro da Várzea (9.181 passageiros), Maués (687) e Parintins (534).

Redação AM POST

 

 

O AM Post apoia a causa autista
blank

A mente de uma criança com Transtorno do Espectro Autista pode ser associada a um quebra-cabeças. Parece difícil de entendê-la no primeiro momento. Porém, quando utilizamos a metodologia certa as tornamos fácil e percebemos que as dificuldades podem ser superadas.

- Jorge Tertuliano

Faça parte da comunidade

  • Praticidade na informação

  • Notícias todos os dias

  • Compartilhe com facilidade

blank WhatsApp Telegram

Apoie o AM POST

O AM POST está há mais de 8 anos produzindo jornalismo sério e de qualidade. É uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Apoie

blank

Últimas notícias

blank
blank
blank
blank
blank
blank