Família pede ajuda para custear translado de amazonense encontrado morto no RJ

A suspeita é que ele tenha morrido de infarto.

Redação AM POST

A família do amazonense Thiago da Costa Silva, de 27 anos, que foi encontrado morto dentro de seu apartamento no Rio de Janeiro, fez um apelo para conseguir custear o translado da vítima e ele ser sepultado em Manaus. Ele foi encontrado morto na última sexta-feira (8) e informações preliminares apontam que ele tenha morrido de infarto.

Continua depois da Publicidade

Segundo informações repassadas pela família, ele trabalhava de designer na cidade. Devido a falta de dinheiro, a mãe de Thiago pediu ajuda das pessoas para conseguir custear o translado qu está no valor de R$ 10 mil.

O número da conta poupança de uma familiar foi disponibilizado para quem quiser ajudar.

Conta Poupança Caixa, de agência 1548, conta 00046850-3, em nome da titular Gabriele da Costa Barros.

Continua depois da Publicidade

A ajuda também pode ser mandada por meio do sistema Pix:

Gabriele da Costa Barros

Continua depois da Publicidade

Pix: 013.490.372-22

Paloma da Costa Silva

Continua depois da Publicidade

Pix: PicPay – 021.795.142-20

*Com informações do Em Tempo