Governo Federal mantém em 8% alíquota do IPI de concentrados na Zona Franca de Manaus

A medida favorece as indústrias da capital amazonense e geram impacto na área de investimentos.

Redação AM POST

O Governo Federal publicou no Diário Oficial da União (DOU) desta terça-feira (20), decreto do presidente Jair Bolsonaro que fixa permanentemente em 8% a alíquota do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) dos concentrados de refrigerantes das indústrias da Zona Franca de Manaus (ZFM).

A medida favorece as indústrias da capital amazonense e geram impacto na área de investimentos além de trazer segurança jurídica ao setor.

Continua depois da Publicidade

O DOU publicado na última sexta-feira (16), também beneficiou o desenvolvimento e inovação na área da Amazônia Ocidental e Amapá. Onde os bens de informática industrializados na ZFM continuarão isentos do IPI e redução do Imposto de Importação (II), e as indústrias que serão beneficiadas deverão investir 5% de seu faturamento.