Pesquisar por em AM POST

Amazonas

Greve dos professores é suspensa pela Justiça e sindicato diz que vai manter até ser notificado oficialmente

O magistrado atendeu pedido do governo do estado e determinou multa no valor de R$ 20 mil (por dia), podendo chegar até R$ 400 mil, caso não seja cumprida a decisão.

  • Por AM POST

  • 15/04/2019 às 09:04

  • Atualizado em 15/04/2019 às 16:16

  • Leitura em 1 minuto

Redação AM POST

A greve dos professores programada para iniciar nesta segunda-feira (15), foi suspensa por decisão do desembargador Elci Simões de Oliveira, do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJ-AM), na noite deste domingo (14). A decisão foi tomada em regime de urgência.

O magistrado atendeu pedido do governo do estado e determinou multa no valor de R$ 20 mil (por dia), podendo chegar até R$ 400 mil, caso não seja cumprida a decisão.

PUBLICIDADE

Ele baseou se na “essencialidade dos serviços prestados pelos professores, para atender pedido de paralisação do governo.

A decisão permite que o governo faça desconto no contracheque dos professores que participarem do movimento grevista.

O Sinteam informou que ainda não foi notificado oficialmente da decisão judicial e que a concentração prevista para ocorrer na praça da polícia, no Centro, está mantida.

PUBLICIDADE

O AM Post apoia a causa autista

Autismo: Todos na mesma maré, mas em embarcações diferentes.

- Gretchen Stipp

Faça parte da comunidade

  • Praticidade na informação

  • Notícias todos os dias

  • Compartilhe com facilidade

blank WhatsApp Telegram

Apoie o AM POST

O AM POST está há mais de 8 anos produzindo jornalismo sério e de qualidade. É uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Apoie

blank

Últimas notícias

blank
blank
blank
blank
blank
blank