Pesquisar por em AM POST

Amazonas

Itacoatiara é ligada ao Linhão do Tucuruí

Esse já é o segundo município do interior do Amazonas ligado diretamente ao SIN, também conhecido na região como Linhão de Tucuruí.

  • Por AM POST

  • 20/06/2023 às 21:16

  • Atualizado em 20/06/2023 às 21:17

  • Leitura em dois minutos

Na madrugada desta terça-feira (20), a Amazonas Energia concluiu o processo de energização da nova subestação de Itacoatiara, município localizado a 269 quilômetros de Manaus. Com a transferência de carga da cidade para a subestação, a usina termelétrica será desativada e o município integrará o Sistema Interligado Nacional (SIN). A concessionária informou que o fornecimento de energia irá duplicar, passando de 40MWA para 80MWA.

O serviço de mudança de carga está programado para ser realizado e finalizado num prazo de até quatro dias. A subestação estava pronta, mas dependia de autorização do Operador Nacional do Sistema para entrar em funcionamento.

PUBLICIDADE

O processo começa com a emissão da documentação para a energização das linhas que se conectam com a nova subestação e energização dos transformadores. Essa documentação é aprovada e autorizada pelo ONS (Operador Nacional do Sistema) conforme programação pré-estabelecida. A partir disso, a distribuidora fica autorizada a energizar a subestação e por consequência a tomada de carga. Isso significa que a carga que ia para a usina será direcionada para a subestação. Quando o sequenciamento estiver completo nos 10 alimentadores, a cidade poderá usufruir de energia de melhor qualidade e com menor oscilação”, garantiu Raimundo Junior gerente do departamento de operação da concessionária.

Itacoatiara será o segundo município do interior do Amazonas ligado diretamente ao SIN, também conhecido na região como Linhão de Tucuruí.

A interligação, além de evitar as oscilações de energia, também conta com um importante fator de preservação ambiental. Atualmente, a cidade de Itacoatiara possui quatro usinas, quatro fontes de geração, que funcionam a diesel e consomem cerca de R$ 15 milhões ao mês.

PUBLICIDADE

Redação AM POST*

Faça parte da comunidade

  • Praticidade na informação

  • Notícias todos os dias

  • Compartilhe com facilidade

blank WhatsApp Telegram

Apoie o AM POST

O AM POST está há mais de 8 anos produzindo jornalismo sério e de qualidade. É uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Apoie

blank

Últimas notícias

blank
blank
blank
blank
blank
blank