Amazonas

Provas do concurso da Sefaz são aplicadas neste fim de semana em Manaus

Mais de 64 mil pessoas foram inscritas no certame.


Redação AM POST

O Governo do Amazonas realizou, neste sábado (07/05), o concurso da Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz) para cargos de nível Médio. Anunciado em outubro de 2021 pelo governador Wilson Lima, o concurso não era realizado desde 2005. Mais de 64 mil pessoas foram inscritas no certame.

Continua depois da Publicidade

Ao todo, serão oferecidas 210 vagas para cargos de nível médio e superior. Desde o último concurso para a Sefaz, já houve diversos afastamentos e aposentadorias de servidores, o que tornou necessário a reposição de vagas, bem como a formação de cadastro reserva.

“Há sim uma grande ansiedade da Secretaria pela a realização dessa prova, pela nomeação dos candidatos aprovados, então a gente está preparando esse concurso há bastante tempo, modernizando a legislação que permite a realização do concurso”, ressaltou o secretário executivo de Administração da Sefaz-AM, Alexandre Siqueira.

Distribuição de vagas – Para o nível médio, o cargo será o Assistente Administrativo da Fazenda Estadual (AAFE), no qual haverá o preenchimento de 50 vagas mais o cadastro de reserva.

Continua depois da Publicidade

Para o nível superior, serão quatro cargos: Analista do Tesouro Estadual (25 vagas mais cadastro de reserva), Analista de Tecnologia da Informação da Fazenda Estadual (15 vagas mais cadastro de reserva), Técnico de Arrecadação de Tributos Estaduais (25 + CR) e Técnico da Fazenda Estadual (35 + CR), além de 60 vagas para Auditor Fiscal.

“Nossa expectativa é de melhoria dos controles de arrecadação, da tributação do estado, os controles da área de despesa e também as melhorias do ponto de vista de gestão, interno da secretaria. Então nós estamos tendo concurso para todos os cargos”, explicou Alexandre Siqueira.

Continua depois da Publicidade

Oportunidade – O concurso também gera expectativas para quem deseja garantir uma renda fixa. Grávida, a administradora Layanny dos Santos viu no concurso a oportunidade de uma vida estável para a família.

“É uma oportunidade que se garante, praticamente, pro resto da vida, que hoje nenhum trabalho é garantido, mas nesse é que te garante um pouquinho mais de estabilidade, e é o que eu procuro já que eu vou ser mãe. É uma oportunidade incrível que está tendo praticamente todo mês, porque é concurso atrás de concurso, a pessoa tem que ter pique para estudar, para ir atrás e para poder fazer dar certo”, afirmou.

Continua depois da Publicidade

Na zona centro-oeste da capital, em um dos 41 pontos de realização da prova, a estudante Jéssica Fernandes, de 30 anos, afirmou que o concurso da Sefaz é uma esperança para quem, assim como ela, está em busca de um emprego.

“É uma oportunidade de transformação mesmo, não só minha, mas da minha família, e como todos nós aqui estamos fazendo concurso, isso reverbera na sociedade, uma transformação para o bem, em vez de violência e outras coisas, é uma oportunidade de desenvolvimento para o país”, ressaltou a candidata.