Pesquisar por em AM POST

Amazonas

‘Recicla, Galera’: Preocupação ambiental e valorização dos catadores são legados do Festival de Parintins

Promovida pelo Governo do Amazonas, em parceria com a Coca-Cola, a ação ambiental incentivou a destinação correta de resíduos recicláveis durante o festival e gerou renda para os catadores.

  • Por AM POST

  • 10/08/2023 às 21:07

  • Leitura em quatro minutos

Foto: Lucas Silva/Secom

O legado da ação ambiental “Recicla, Galera”, durante o 56° Festival Folclórico de Parintins, aos poucos se reflete em uma mudança cultural na comunidade, com a conscientização e a participação dos cidadãos na separação e no descarte adequado dos resíduos. Isso ocorre porque, hoje, Parintins conta com quase 40 ecopontos espalhados pela cidade, resultado da iniciativa da Secretaria de Meio Ambiente (Sema) com a Coca-Cola Brasil.

Na perspectiva de Marcivone Casemiro, presidente da Associação de Catadores de Parintins (Ascalpin), ao implementar a destinação correta de resíduos e pontos de coleta de lixo reciclável, a cidade deu mais um passo significativo em direção à sustentabilidade. “É importante que a sociedade encare essa questão dos resíduos de maneira diferente, fazendo a separação adequada, pois muitas pessoas não têm esse hábito, achando que todo o lixo vai junto. Agora existem vários pontos de coleta espalhados na nossa cidade. O catador fica satisfeito ao chegar e encontrar tudo separado”, destacou a presidente.

PUBLICIDADE

Mãe de cinco filhos, que foi atraída pela oportunidade de emprego há 16 anos, atualmente Marcivone tem a profissão de catadora não só como fonte de renda, mas também como uma bandeira que ela ergue em prol do meio ambiente. Ela acredita que o projeto também foi fundamental para valorizar o trabalho dos catadores. “A segunda edição do ‘Recicla’ ampliou ainda mais o nosso trabalho, inclusive no aspecto da renda. A quantidade de material praticamente dobrou. A experiência foi além do que esperávamos. Tivemos mais visibilidade, mostrando ao mundo a existência de uma associação de catadores em Parintins”, avaliou a catadora.

Além dos ecopontos instalados para incentivar a coleta seletiva de recicláveis, durante a ação foram entregues R$ 90 mil em equipamentos para estruturar a Ascalpin. Também foram coletadas mais de 5,8 toneladas de resíduos, o que gerou renda para 40 catadores e triciclistas envolvidos no projeto.

Para Ana Clea, que é catadora há quase 20 anos, fazer parte do “Recicla, Galera” proporcionou aprendizados importantes. “Aprendi a valorizar o material reciclável, a fazer a reciclagem e a separar o que é útil do que não é. E trabalhar no projeto foi muito importante para nós ampliarmos nosso conhecimento. Foi uma experiência muito gratificante”, afirmou Ana Clea.

PUBLICIDADE

O secretário de Estado de Meio Ambiente, Eduardo Taveira, destacou o projeto como um importante legado para a cidade, fortalecendo ainda mais o compromisso com a sustentabilidade.

“Quando a gente fala em fazer um Festival de Parintins mais sustentável, isso passa, necessariamente, pelo viés ambiental, social e econômico. Por isso o ‘Recicla, Galera’ trabalha fortemente nesse objetivo de gerar renda e fortalecer não só os catadores, mas toda essa estrutura de coleta seletiva e destinação de resíduos no município. É uma iniciativa que deixa impacto positivo para a cidade, antes, durante e após o Festival, promovendo uma festa mais bonita, com redução de resíduos e aumento da qualidade de vida dos moradores como um todo” disse o secretário.

PUBLICIDADE

Parceiros

A execução operacional da campanha foi realizada pela Impact Hub Manaus. O projeto também conta com a participação da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa, junto à Agência Amazonense de Desenvolvimento Cultural (AADC), e do Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam). Participaram ainda a Prefeitura de Parintins, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (Sedema), a empresa Tereos Brasil e a Solar Coca-Cola.

PUBLICIDADE
blank

Foto: Lucas Silva/Secom

Redação AM POST

O AM Post apoia a causa autista
blank

Autismo: Todos na mesma maré, mas em embarcações diferentes.

- Gretchen Stipp

Faça parte da comunidade

  • Praticidade na informação

  • Notícias todos os dias

  • Compartilhe com facilidade

blank WhatsApp Telegram

Apoie o AM POST

O AM POST está há mais de 8 anos produzindo jornalismo sério e de qualidade. É uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Apoie

blank

Últimas notícias

blank
blank
blank
blank
blank
blank