Pesquisar por em AM POST

Brasil

Assista: Manifestantes resistem e são presos durante desmontagem de acampamento em frente a quartel em Belém

A Prefeitura de Belém e o governo do Pará cumpriram ordem do ministro Alexandre de Moraes.

  • Por AM POST

  • 09/01/2023 às 15:43

  • Atualizado em 09/01/2023 às 15:52

  • Leitura em dois minutos

Redação AM POST*

Cinco pessoas foram presas em flagrante e levadas para a sede da Polícia Federal por apresentarem resistência ao desmonte do acampamento de manifestantes, contrários à eleição de Luiz Inácio Lula da Silva (PT), realizado nesta segunda-feira (9) em frente ao 2º Batalhão de Infantaria e Selva, em Belém, no Pará.

PUBLICIDADE

“Eu tenho família”, gritou uma manifestante durante a detenção feita por policiais.

A Prefeitura de Belém e o governo do Pará cumpriram ordem do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), que mandou todos os acampamentos do país serem desfeitos, depois que manifestantes invadiram e depredaram prédios dos três poderes no domingo (8).

“Em respeito à decisão do ministro Alexandre de Moraes, a Prefeitura de Belém irá colaborar com as ações para retirada das barracas que impedem o direito de ir e vir e atentam contra a democracia na Av. Almirante Barroso”, escreveu o prefeito Edmilson Rodrigues (Psol), em postagem no Twitter.

O Pará, governado por Helder Barbalho (MDB), também na rede social, afirmou que “é o primeiro Estado do Brasil a cumprir a decisão do ministro do STF Alexandre de Moraes”.

O acampamento tomava, desde o resultado do segundo turno das eleições, a calçada em frente ao quartel do Exército há mais de 60 dias. Eventualmente, o grupo ocupava uma das faixas da avenida Almirante Barroso, principal via de entrada da capital.

Quatro caminhões foram usados para carregar os materiais usados pelo acampamento até a sede da PF. Cerca de 100 agentes estavam envolvidos no desmonte.

O AM Post apoia a causa autista
blank

O autismo não limita as pessoas. Mas o preconceito sim, ele limita a forma com que as vemos e o que achamos que elas são capazes.

- Letícia Butterfield

Faça parte da comunidade

  • Praticidade na informação

  • Notícias todos os dias

  • Compartilhe com facilidade

blank WhatsApp Telegram

Apoie o AM POST

O AM POST está há mais de 8 anos produzindo jornalismo sério e de qualidade. É uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Apoie

blank

Últimas notícias

blank
blank
blank
blank
blank
blank