Bolsonaro diz que o povo brasileiro não será cobaia de vacina chinesa

O Presidente voltou a dizer na manhã desta quarta-feira que não comprará imunização dos chineses.

O presidente Jair Bolsonaro voltou a falar na manhã desta quarta-feira (21) que não comprará a vacina do laboratório chinês Sinovac Biotech, que está sendo testada no Brasil pelo Instituto Butantan contra a Covid-19. Em uma publicação nas redes sociais, Bolsonaro afirmou que qualquer imunização adquirida pelo governo precisará ter eficácia comprovada e ser certificada.

– Para o meu Governo, qualquer vacina, antes de ser disponibilizada à população, deverá ser comprovada cientificamente pelo Ministério da Saúde e certificada pela Anvisa – disse.

O líder também afirmou que “o povo brasileiro não será cobaia de ninguém” e que a fase de testes em que a imunização está atualmente não justificam que o governo faça investimentos financeiros.

Continua depois da Publicidade

– Não se justifica um bilionário aporte financeiro num medicamento que sequer ultrapassou sua fase de testagem. Diante do exposto, minha decisão é a de não adquirir a referida vacina – completou.

Fonte: Pleno.News