Bolsonaro sobre invasão do Capitólio nos EUA: “Se tivermos voto eletrônico no Brasil em 2022, vai ser a mesma coisa”

Para ele, a situação nos Estados Unidos aconteceu por falta de confiança no sistema de votação norte-americano.

Redação AM POST

O presidente Jair Bolsonaro afirmou na manhã desta quinta-feira (7/1) que a cena de invasão ao Congresso americano ocorrida na quarta-feira pode se repetir no Brasil, caso o voto impresso não seja instituído. Para ele, a situação nos Estados Unidos aconteceu por falta de confiança no sistema de votação norte-americano.

Continua depois da Publicidade

“O pessoal tem que analisar o que aconteceu nas eleições americanas agora, basicamente qual foi o problema, a causa dessa crise toda: falta de confiança no voto. Lá, o pessoal votou e potencializaram o voto pelos Correios por causa da tal da pandemia e teve gente que votou três, quatro vezes. Mortos votaram, foi uma festa lá. Ninguém pode negar isso daí, então a falta de confiança levou a esse problema que está acontecendo lá. E aqui no Brasil se tivermos o voto eletrônico em 22 vai ser a mesma coisa, a fraude existe”, apontou.

“A fraude existe. A imprensa vai falar ‘sem provas, disse que a fraude existe’, eu não vou responder mais esses canalhas da imprensa. Eu só fui eleito porque tive muito voto em 2018, tá? Não tô falando que vou ser candidato, que vou disputar as eleições”, afirmou, mais uma vez sem apresentar comprovações de qualquer tipo de fraude nas eleições presidenciais de 2018.

Na quarta-feira, ao menos uma pessoa morreu no tumulto causado em Washington. Na data, Bolsonaro reiterou apoio a Donald Trump e não falou diretamente sua opinião sobre o ocorrido. “Eu acompanhei tudo. Você sabe que eu sou ligado ao Trump. Você sabe da minha resposta. Agora muita denúncia de fraude, muita denúncia de fraude”, concluiu.

Continua depois da Publicidade

*Com informações do Correio Braziliense