Pesquisar por em AM POST

Brasil

Força Nacional é convocada para combater saques e onda de violência em meio a enchentes do RS

400 agentes da Força Nacional chegarão ao Rio Grande do Sul (RS) nos próximos dias.

  • Por AM POST

  • 08/05/2024 às 08:58

  • Leitura em dois minutos

Foto: Max Peixoto/Getty Images

O Rio Grande do Sul, já sob o impacto avassalador das chuvas intensas que castigam o estado desde o início da semana passada, agora enfrenta uma nova e alarmante situação: a escalada da violência, saques, furtos e roubos em diversos municípios, agravando ainda mais o estado de calamidade que se instalou em muitas comunidades.

Relatos nas redes sociais descrevem cenas de caos e desespero, com moradores narrando assaltos violentos e ações criminosas direcionadas até mesmo contra voluntários que auxiliam nos trabalhos humanitários. Um morador de Porto Alegre, que preferiu não se identificar, descreveu a situação na capital: “O centro de Porto Alegre tá todo saqueado. Farmácia, supermercado, loja, mercado público, tudo.”

PUBLICIDADE

Em Canoas, criminosos se passam por necessitados para assaltar voluntários, enquanto em Novo Hamburgo a população teve que se armar para se defender dos bandidos. Muitos residentes estão com medo de abandonar suas casas devido ao receio das ações dos criminosos.

Além dos saques a residências e estabelecimentos comerciais deixados para trás por seus proprietários em busca de locais seguros, os criminosos também estão mirando barcos, jet skis e outros equipamentos vitais para os resgates em áreas de risco.

Para conter essa escalada de violência, o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), anunciou o envio de mais 400 agentes da Força Nacional, somando um contingente total de 944 servidores com o reforço da Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal.

PUBLICIDADE

Além disso, o governador lançou o Programa Mais Efetivo, convocando mil policiais da reserva para ajudar nas áreas afetadas. A Brigada Militar lançou operações contra vandalismo e criminalidade em várias cidades, resultando na prisão de 32 pessoas até o momento.

Enquanto isso, o número de vítimas fatais das enchentes no Rio Grande do Sul subiu para 95, com outros quatro óbitos em investigação. Segundo a Defesa Civil, há 131 desaparecidos, 50 mil pessoas em abrigos e 159 mil desabrigados, impactando mais de 1,5 milhão de pessoas em todo o estado.

PUBLICIDADE

Redação AM POST

O AM Post apoia a causa autista
blank

Hoje aprendi que à manifestação de carinho mais sincera é o de uma criança com Autismo! Estes anjos, tem a felicidade de ser veraz, não afetando-se com o meio.

- Winaldario Santos

Faça parte da comunidade

  • Praticidade na informação

  • Notícias todos os dias

  • Compartilhe com facilidade

blank WhatsApp Telegram

Apoie o AM POST

O AM POST está há mais de 8 anos produzindo jornalismo sério e de qualidade. É uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Apoie

blank

Últimas notícias

blank
blank
blank
blank
blank
blank