Pesquisar por em AM POST

Brasil

Pesquisadora aceita convite para ir à Câmara falar de gabinete de ódio e milícia digital da primeira-dama, Janja

Ela foi demitida após desmentir uma informação falsa repassada pela jornalista Daniela Lima, da GloboNews.

  • Por AM POST

  • 15/05/2024 às 13:35

  • Leitura em 1 minuto

Na manhã desta quarta-feira (15), a pesquisadora Michele Prado anunciou publicamente, por meio de suas redes sociais, que aceitou o convite do deputado federal Nikolas Ferreira (PL-MG) para prestar esclarecimentos na Câmara dos Deputados. Michele deverá falar sobre suas alegações a respeito de um suposto gabinete de ódio da esquerda e a criação de uma milícia digital pela primeira-dama, Rosângela da Silva, conhecida como Janja.

A pesquisadora, que até recentemente fazia parte de um grupo de pesquisa na Universidade de São Paulo (USP), foi desligada na última segunda-feira (13) após desmentir uma informação falsa divulgada pela jornalista Daniela Lima, da GloboNews. Em seu perfil na plataforma X (antigo Twitter), Michele acusou Janja de estar por trás de uma milícia digital, o que gerou grande repercussão.

PUBLICIDADE

Em seu comunicado nas redes sociais, Michele Prado explicou a decisão de aceitar o convite: “Prezados, reconsiderei o convite para falar ao Congresso e aceitarei esclarecer, baseada na verdade dos fatos, todas as informações a respeito do episódio e me defender das mentiras que a brutal campanha de cyberbullying contra mim, oriunda, principalmente, de setores de esquerda, tem disseminado nas redes.”

A princípio, ela havia recusado o convite, mas mudou de ideia após avaliar a situação e a necessidade de se defender publicamente. O deputado Nikolas Ferreira, que formalizou o convite, confirmou que o requerimento será votado na reunião da próxima quarta-feira (22).

Faça parte da comunidade

  • Praticidade na informação

  • Notícias todos os dias

  • Compartilhe com facilidade

blank WhatsApp Telegram

Apoie o AM POST

O AM POST está há mais de 8 anos produzindo jornalismo sério e de qualidade. É uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Apoie

blank

Últimas notícias

blank
blank
blank
blank
blank
blank