Pesquisar por em AM POST

Brasil

Vai e volta: Marcelo Castro é nomeado novamente ministro da Saúde

Ele deixou o Ministério para votar em Picciani na eleição do líder da bancada do PMDB na Câmara.

  • Por AM POST

  • 18/02/2016 às 10:28

  • Leitura em 1 minuto

O deputado federal Marcelo Castro (PMDB-PI), que deixou o Ministério da Saúde ontem para votar em Leonardo Picciani (PMDB-RJ) na eleição do líder da bancada do PMDB, voltou a assumir o comando da pasta nesta quinta-feira. O retorno foi formalizado por um decreto da presidente Dilma Rousseff publicado hoje no Diário Oficial da União. Castro deixou o ministério por um dia num momento em que o país atravessa uma grave crise na saúde, com o aumento de casos do vírus da zika, dengue e chikungunya.

A saída temporária de Castro ajudou Picciani (RJ) a conseguir se reeleger ao posto. Patrocinado pelo Planalto, ele recebeu 37 votos, enquanto o seu adversário, Hugo Mota (PMDB-PB), aliado do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), teve 30 votos. A eleição de Picciani representou um alívio para o governo no em que a Câmara analisará o processo de impeachment contra a presidente. Isso porque a bancada peemedebista é a maior da Casa.

PUBLICIDADE

Nesta quarta-feira, Castro chegou a ser alvo de protestos no plenário da Casa. Manifestantes fantasiados do mosquito Aedes aegypt, que transmite o vírus da zika e da dengue, chegaram a abraçar o deputado e a lançar papeis com a imagem do inseto.

O AM Post apoia a causa autista

Um anjo pergunta à Deus: O que é um autista? E Deus lhe responde: É um de vocês que permito descer à Terra!

- Lu Lena

Faça parte da comunidade

  • Praticidade na informação

  • Notícias todos os dias

  • Compartilhe com facilidade

blank WhatsApp Telegram

Apoie o AM POST

O AM POST está há mais de 8 anos produzindo jornalismo sério e de qualidade. É uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Apoie

blank

Últimas notícias

blank
blank
blank
blank
blank
blank