Brasil

Vaquinha virtual para ajudar mãe de garoto assassinado por Suzi chega a mais de R$ 150 mil

O financiamento, que inicialmente tinha meta de R$ 20 mil, já ultrapassou os R$ 150 mil.


Redação AM POST

Aparecida dos Santos, mãe de um menino de 9 anos estuprado e morto pela transexual Suzy Oliveira, que ficou conhecida ao receber um abraço do médico Drauzio Varella durante uma reportagem do Fantástico vai ser ajudada por uma vaquinha virtual feita por internautas que já ultrapassa o valor de R$ 150 mil.

Continua depois da Publicidade

A mulher relatou na segunda-feira (9) em matéria do programa Alerta Nacional da ‘Rede TV!’ o drama que enfrentou com a perda do filho Fábio há 10 anos. A mãe do garoto diz que assistiu a entrevista de ‘Suzy’ ao Fantástico e ficou chocada ao vê-la “recebendo abraços, cartinhas e bombozinhos”. Após repercussão da matéria a transexual ganhou na cadeia muitas cartas e uma vaquinha foi criada na internet com o objetivo de ajuda-la, chegando a render cerca de R$ 9 mil.

“Eu recebi o que nesses 10 anos? Nada!”, afirmou a mãe emocionada que ganhou um abraço do repórter do Alerta Nacional, Edie Polo. Hoje o garoto estaria com 19 anos e poderia ajudar nas despesas de casa.

Internautas se comoveram com a história e resolveram prestar apoio a mãe da vítima. O financiamento, que inicialmente tinha meta de R$ 20 mil, já ultrapassou os R$ 150 mil. Até o fechamento desta matéria a vaquinha online já havia arrecadado o valor de R$ 153.702,21. Todo o dinheiro será repassado à doméstica, que hoje vive em situação de necessidade.

Continua depois da Publicidade

PARA CONTRIBUIR NA VAQUINHA CLIQUE AQUI