Governo Wilson Lima é acusado de esconder números reais de casos e mortes por Covid-19 no AM

Foi recomendado ao MPE que cobre do Governo do Amazonas os verdadeiros números dos casos e óbitos da doença.

Redação AM POST

O deputado Dermilson Chagas (Podemos), afirmou em tribuna da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), na manhã desta quarta-feira (30) que o Governo do Amazonas está escondendo os números reais de infectados e de óbitos por covid-19 no Estado. A alegação do parlamentar se deu após a Prefeitura Municipal de Manaus pedir o Lockdown, que foi imediatamente negado pelo governador Wilson Lima (PSC).

Na última segunda-feira (28), o prefeito Arthur Neto (PSDB) propôs ao governador decretar lockdown na capital, por um período mínimo de duas semanas, como alternativa para conter o avanço do coronavírus e uma possível segunda onda de casos.

Continua depois da Publicidade

Na defesa, Arthur cita que os dados da Secretaria Municipal de Limpeza Urbana (Semulsp), gestora dos cemitérios públicos de Manaus, mostram que durante o mês de agosto foram 77 mortes por Covid-19, de 867 sepultamentos e cremações realizadas; enquanto até o dia 27 deste mês de setembro já são 81, de 795 registros.

A resposta do governador veio na manhã da última terça-feira (29), descartando qualquer possibilidade de lockdown. De acordo com Wilson, a pandemia ainda preocupa, mas o cenário atual não se compara ao quadro dos meses de abril e maio, quando o estado viveu o pico da doença.

De acordo com os dados da Fundação de Vigilância em Saúde (FVS), dos 137.964 casos confirmados no Amazonas até terça-feira (29/09), 50.862 são de Manaus (36,87%) e 87.102 do interior do estado (63,13%). Entre pacientes em Manaus, há o registro de 2.512 óbitos confirmados em decorrência do novo coronavírus. No interior, são 61 municípios com óbitos confirmados até o momento, totalizando’ 1.523.

Continua depois da Publicidade

Desencontro
Devido ao desencontro de informações e opiniões de gestores, o deputado Dermilson pediu para que o Ministério Público do Estado (MPE) cobre do Governo do Amazonas os verdadeiros números dos casos e óbitos por covid-19 para população ter o conhecimento da verdadeira situação do Amazonas. “Sabemos que o vírus não está controlado no Amazonas, mas o povo precisa ter o conhecimento do nível de infecção. Porque uma hora o prefeito defende o lockdown, outra o governador nega. Enquanto isso, a população fica bem no meio dessa confusão, sem saber o que fazer ou em quem acreditar”, disse.

Em uma determinada fala, Dermilson acredita que os números divulgados pelo Governo do Amazonas estão sendo manipulados para convencer a sociedade. “Precisamos saber se está ou não sob controle. Porque o que vemos a realidade é outra nos hospitais públicos. Pessoas continuam se internando e continuam morrendo”, disse reforçando a atuação do MPE na busca das informações verdadeiras. “Como fiscalizador é meu dever cobrar a atuação dos órgãos de controle, porque os números divulgados pelo governo são muito contraditórios”.