Bolsonaro sobre prejuízos com isolamento: “chegou a conta para pagar”

Ele criticou medidas de fechamento da economia promovidas por estados e municípios.

Em conversa com apoiadores no jardim do Palácio da Alvorada na manhã desta quarta-feira (14), o presidente Jair Bolsonaro voltou a criticar as medidas de isolamento social determinadas pelos estados e municípios desde o início da pandemia de Covid-19 ao dizer que “chegou a conta para pagar”, em referência aos prejuízos de manter a economia fechada.

– O papo não era: ‘Fica em casa, a economia a gente vê depois?’ Chegou a conta para pagar. Agora, quer botar a culpa em mim? – protestou.

Por outro lado, Bolsonaro aproveitou para elogiar o agronegócio e disse que “o homem do campo não parou”. O chefe do Executivo comentou o preço do arroz e disse que, apesar de caro, não haveria produto no mercado nacional, caso agricultores tivessem paralisado as atividades.

Continua depois da Publicidade

– O povo quer que eu tabele. Não vai haver tabelamento. Na Venezuela está tudo tabelado, não tem um grão de arroz lá – completou.

Fonte: Pleno.News