Pesquisar por em AM POST

Economia

Câmara delibera e aprova em 1ª discussão Projeto de Emenda à Loman que cria Orçamento Impositivo

Durante discurso na tribuna, o presidente da Câmara, Wilker Barreto, destacou o marco histórico que a Casa faz ao deliberar e votar em 1ª discussão o Orçamento Impositivo.

  • Por AM POST

  • 12/12/2016 às 15:15

  • Leitura em três minutos

A Câmara Municipal de Manaus (CMM) votou e aprovou, na manhã desta segunda-feira (12), em 1ª discussão – durante reunião extraordinária compensatória ao próximo dia 26 – o Projeto de Emenda nº 005/2016, de autoria da Mesa Diretora, subscrito por todos os vereadores, que acrescenta à Lei Orgânica do Município de Manaus (Loman) o Orçamento Impositivo. A matéria, que foi deliberada em reunião ordinária, teve, ainda, os pareceres favoráveis das comissões de Constituição e Justiça, Finanças e Economia e Serviço Público aprovados pelos parlamentares.

O projeto acrescenta os incisos 13, 14 e 15 ao artigo 147 da Loman, sendo o inciso 13 com a redação que determina que, no projeto de Lei Orçamentária (LOA), 0,4% da receita corrente líquida do município realizada no ano anterior será destinada às emendas parlamentares, cuja execução será obrigatória. A Lei Orçamentária Anual para o ano de 2017 estabelece, para as cotas individuais, o valor estimado em R$ 340 mil por vereador.

PUBLICIDADE

No inciso 14, fica estabelecido que as programações orçamentárias previstas no inciso 13 não serão de execução obrigatória nos casos de impedimento de ordem técnica. Já o inciso 15 determina que em 120 dias, após a publicação da lei orçamentária , o Poder Executivo informará ao Poder Legislativo sobre a possibilidade de execução do objeto de emenda, encaminhando a justificativa do impedimento, e o vereador terá o prazo de 30 dias para fazer o devido remanejamento.

Durante discurso na tribuna, o presidente da Câmara, vereador Wilker Barreto (PHS), destacou o marco histórico que a Casa faz ao deliberar e votar em 1ª discussão o Orçamento Impositivo. “Ouvi vereadores relatarem como é importante o Orçamento Impositivo, porque permite que o vereador converse com a comunidade, e desta forma possa demandar pedidos de infraestrutura. Neste momento, temos equipes da prefeitura interagindo com os gabinetes para que as propostas lá das comunidades possam vir para a Casa. Com a consolidação das emendas parlamentares, quando chegar esse período, toda vez que a LOA for apreciada, nós teremos várias entidades aqui solicitando dos vereadores repasses de recursos”, afirmou.

Ainda na deliberação do projeto, a bancada do PT da CMM, por meio de seu líder, vereador Waldemir José, informou aos demais vereadores que apresentarão à matéria, proposta de emenda que eleva a cota individual ao valor de R$ 1,5 milhão. Diante do apresentado, Wilker Barreto ressaltou ao vereador que o momento econômico não é propício para tal proposta.

PUBLICIDADE

Com a aprovação em 1ª discussão da proposta se abre um interstício institucional, retornando para a apreciação no próximo dia 21, como assegurou o presidente Barreto.

O AM Post apoia a causa autista

O autismo é um Universo Paralelo que incessantemente pede permissão para fixar-se no terreno dos saberes.

- JESUS,D.F

Faça parte da comunidade

  • Praticidade na informação

  • Notícias todos os dias

  • Compartilhe com facilidade

blank WhatsApp Telegram

Apoie o AM POST

O AM POST está há mais de 8 anos produzindo jornalismo sério e de qualidade. É uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Apoie

blank

Últimas notícias

blank
blank
blank
blank
blank
blank