Seis mil restaurantes encerraram atividades durante a pandemia em Manaus, aponta Abrasel

O presidente da Abrasel enfatizou que mais de um milhão de empregos foram perdidos com a pandemia.

Redação AM POST

A Frente Amazonense de Recuperação Econômica aos Impactos Causados pela Pandemia (Frenpre) se reuniu nesta terça-feira (15/6) com a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), na Câmara Municipal de Manaus (CMM).

Continua depois da Publicidade

Em seu discurso, o presidente da Abrasel, Fábio Cunha, enfatizou que mais de um milhão de empregos foram perdidos com a pandemia e que só em Manaus, mais de seis mil estabelecimentos encerraram suas atividades.

Para Fábio Cunha, é preciso criar mecanismos e opções de forma urgente para evitar novos prejuízos no setor. “Muitos empresários dos nossos ramos sofreram com a pandemia, muitos funcionários foram demitidos, empresários foram a falência e precisamos trabalhar para que isso não volte a se repetir”.

Para o vereador Diego Afonso, presidente da Frenpre, essas reuniões são fundamentais para entender as dificuldades enfrentadas e encontrar soluções, e o setor de bares e restaurantes foi um setor extremamente prejudicado. “Precisamos dessas reuniões para compreender com mais detalhes o que cada segmento teve de prejuízo e assim debatermos possíveis caminhos, por isso nos reunimos toda semana, porque Manaus tem pressa na retomada econômica”, enfatizou.

Continua depois da Publicidade

Também participaram da reunião a vereadora Glória Carratte (PL) e os vereadores William Alemão (Cidadania), João Carlos (Republicanos), Peixoto (PTC), Sassá da Construção Civil (PT), Rodrigo Guedes (PSC) e vereador Samuel (PL).

* Com informações da assessoria de imprensa

Continua depois da Publicidade