Eleições 2022

Amazonino viaja em jatinho de luxo com o ex-governador cassado, José Melo, para o interior do AM

A união dos dois não é recente e nas eleições de 2018, Amazonino chegou a dizer que Melo, preso na Operação Maus Caminhos, “é uma vítima”.


Redação AM POST

A parceria entre o ex-governador cassado, José Melo (PROS), preso na Operação Maus Caminhos, e o pré-candidato ao governo do Amazonas, Amazonino Mendes (Cidadania), está a todo vapor. Nesta quinta-feira (28) os dois viajaram de jatinho particular para o município de Manicoré, distante 390 quilômetros de Manaus.

Continua depois da Publicidade

Vale lembrar que Melo esteve em maio deste ano no lançamento da pré-candidatura de Amazonino e foi duramente criticado nas redes sociais pois os amazonenses não esqueceram os anos, e muito menos as polêmicas, do ex-governador cassado.

A união dos dois não é recente, nas eleições de 2018, Amazonino defendeu José Melo, envolvido no esquema de propina revelado nos desdobramentos da Maus Caminhos, durante evento de campanha eleitoral da época e disse que ele foi vítima da organização criminosa que desviava dinheiro da saúde.

“Nós tivemos um cara, um homem bom. Eu acho que ele foi uma grande vítima. Foi humilhado, foi preso. Até hoje eu me refiro a ele com muita pena. Ele não teve a visão, a percepção, nem a experiência que eu tenho. Ele cedeu, ele permitiu, ele recuou e terminou por isso”, disse Amazonino na época.

Continua depois da Publicidade

Nas eleições deste ano, Melo pretende retornar ao cenário da política amazonense e vai disputar uma vaga de deputado estadual na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam).