Eleições 2022

Veja vídeo: David Almeida classifica Menezes como inimigo de Manaus e afirma que não vai apoiar sua candidatura

O prefeito também destaca que Menezes, amigo do presidente Bolsonaro, o boicotou e impediu que conseguisse recursos na ordem de quase R$1 bilhão para a capital.


Redação AM POST

O Prefeito de Manaus, David Almeida (Avante), afirmou em entrevista a uma rádio local que não vai apoiar o pré-candidato ao Senado e ex-superintendente da Suframa, Coronel Alfredo Menezes (PL), com quem já teve atrito após vazamento de áudio em que o militar afirmava que tirou David da mesa do presidente da República, Jair Bolsonaro (PL), em Brasília.

Continua depois da Publicidade

Porém, nas eleições deste ano, os dois possivelmente estarão na chapa de reeleição do governador do Amazonas, Wilson Lima (UB).

Na entrevista, o prefeito de Manaus foi questionado sobre indicação do PL de que há necessidade dos integrantes da chapa de apoiar candidato ao senado do partido, no caso Menezes.

“Eu respeito o PL. O senador Alfredo Nascimento é um direto amigo meu mas o meu acordo é com o governador Wilson Lima. Eu já tenho um acordo com o governador de indicar o candidato a vice, estaremos, muito provavelmente, na mesma chapa, eu não sei se o candidato ao Senado do governador é o mesmo candidato do PL, porém, o candidato do PL (Menezes) já se declarou ser inimigo de Manaus. Ele mesmo fala no áudio (vazado) que boicotou Manaus, recursos na ordem de quase R$1 bilhão”, disse.

Continua depois da Publicidade

“Tenho até gratidão por ele por ter me levado ao presidente, que me tratou muito bem, foi muito solicito, atencioso com as demandas de Manaus mas ele mesmo (Menezes) fala que boicotou. Então, ele tem muita amizade com o presidente e deveria usar essa amizade a nosso favor. Eu não sou obrigado a apoiar o inimigo de Manaus. Eu considero esse cidadão inimigo da minha cidade. Eu posso não apoiá-lo, porém, eu vou alertar o povo de que esse candidato não tem condições de ser eleito porque elegendo um cidadão como esse nós estamos elegendo o carrasco que vai dar a sentença para todos nós e eu não posso me colocar numa situação como essa”, disparou o prefeito.

Veja vídeo:

Continua depois da Publicidade

Ouça o áudio vazada no começo deste ano: