Mais de 40 candidatos a vereador têm registro indeferido pela Justiça Eleitoral

Entre eles está o professor Gedeão Amorim (MDB), que tenta reeleição à Câmara Municipal de Manaus (CMM).

Redação AM POST

O Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) indeferiu a candidatura de cerca de 40 concorrentes ao cargo vereador. Alguns por conduta vedada, outros por problemas com o partido, ausência de requisito de registro, entre outros.

Entre os indeferidos está o professor Gedeão Amorim (MDB), que tenta reeleição à Câmara Municipal de Manaus (CMM), e está com campanha ativa na capital. Ele ainda não entrou com recurso.

Continua depois da Publicidade

O indeferimento da candidatura de Gedeão se baseia na Lei da Ficha Limpa devido ele ter sido condenado quando era titular da Secretaria de Estado de Educação (Seduc) pelo crime de dispensa ilegal de licitação na contratação de serviços de transporte escolar nos municípios de Manacapuru (a 68 quilômetros de Manaus) e Iranduba (a 27 quilômetros de Manaus), durante os meses de fevereiro e maio de 2012.