Pesquisar por em AM POST

Empreendedorismo

Trabalho remoto na Itália? Brasileiros agora podem solicitar visto de nômade digital

Descubra como solicitar o visto de nômade digital na Itália, permitindo que você trabalhe remotamente no país europeu.

  • Por AM POST

  • 14/06/2024 às 13:01

  • Atualizado em 14/06/2024 às 10:13

  • Leitura em cinco minutos

Visto de nômade digital na Itália

Visto de nômade digital na Itália – Foto: internet

Empreendedorismo– Visto de nômade digital na Itália é uma oportunidade empolgante para brasileiros que desejam viver e trabalhar remotamente no país europeu. Recentemente regulamentado, o visto permite que trabalhadores remotos e freelancers possam se mudar para a Itália, mantendo seus contratos de trabalho com empresas fora da União Europeia. Este artigo detalha os requisitos necessários e o processo de solicitação para este visto, que é válido por um ano e pode ser renovado.

Requisitos para Solicitação do Visto

O processo de solicitação do visto de nômade digital na Itália envolve vários critérios que devem ser cumpridos pelo candidato. Entre os principais requisitos estão:

PUBLICIDADE
  1. Ser estrangeiro: O candidato deve ser cidadão de um país fora da União Europeia.
  2. Qualificação profissional: O solicitante deve ser um profissional altamente qualificado, com ensino superior completo ou pelo menos cinco anos de experiência, ou ser um nômade digital (freelancer).
  3. Trabalho remoto: Deve trabalhar remotamente para uma empresa registrada fora da Itália, apresentando prova de um contrato de trabalho em vigor.
  4. Renda mínima: Ter um rendimento anual mínimo de 28 mil euros (aproximadamente R$ 156,5 mil por ano ou R$ 13 mil por mês).
  5. Seguro de saúde: Possuir seguro de saúde válido para tratamento médico e hospitalização na Itália durante toda a estadia.
  6. Comprovante de acomodação: Apresentar documentação que comprove acomodação na Itália (contrato de aluguel, reserva de hotel, etc.).
  7. Contrato de trabalho ou colaboração: Fornecer uma cópia do contrato de trabalho ou colaboração.
  8. Declaração de antecedentes criminais: Apresentar uma declaração assinada pelo empregador ou cliente que ateste a ausência de condenação criminal nos últimos cinco anos.

Processo de Solicitação

Para solicitar o visto de nômade digital na Itália, o interessado deve seguir um processo que envolve etapas tanto no Brasil quanto na Itália:

Etapa no Brasil

  1. Reunir documentação: O solicitante deve reunir todos os documentos necessários, incluindo um passaporte válido, fotos, formulário de solicitação de visto, contrato de trabalho, comprovante de renda, seguro de saúde, e declaração de antecedentes criminais.
  2. Submeter a solicitação: Com todos os documentos em mãos, a solicitação deve ser submetida ao consulado italiano local. É importante agendar uma visita presencial para apresentar a documentação.
  3. Pagamento da taxa: A taxa de solicitação de visto é de 116 euros por pessoa (aproximadamente R$ 640).

Etapa na Itália

  1. Entrada na Itália: Após obter o visto, o trabalhador deve entrar na Itália e, dentro de oito dias, solicitar o “permesso di soggiorno” (autorização de residência) na polícia local.
  2. Apresentar documentação: Durante o processo de obtenção do “permesso di soggiorno”, toda a documentação previamente apresentada no Brasil deve ser exibida novamente.
  3. Código fiscal: O trabalhador receberá um código fiscal, equivalente ao CPF brasileiro, necessário para cumprir com as obrigações fiscais na Itália.

Benefícios do Visto de Nômade Digital

Optar pelo visto de nômade digital na Itália oferece diversas vantagens:

  • Flexibilidade: Não é necessário comprovar depósito bancário como em outros países europeus.
  • Reagrupamento familiar: Os familiares do trabalhador podem obter autorizações de residência com as mesmas condições.
  • Rapidez no processo: O visto pode ser obtido em cerca de 90 dias, comparado com os prazos mais longos para a cidadania italiana.

Outras Opções de Visto para Nômades Digitais

A Itália não é o único país a oferecer um visto para nômades digitais. Países como Portugal, Espanha, Croácia, Japão, Romênia, Chipre e Grécia também possuem programas semelhantes. Cada um tem seus próprios requisitos e vantagens, e é importante comparar as opções para encontrar a que melhor se adapta às suas necessidades.

PUBLICIDADE

O visto de nômade digital na Itália é uma excelente oportunidade para trabalhadores remotos brasileiros que desejam viver e trabalhar na Europa. Com requisitos claros e um processo relativamente rápido, este visto oferece uma alternativa prática para quem busca uma nova experiência de vida no exterior. Se você se encaixa nos critérios exigidos, essa pode ser a chance de transformar sua vida profissional e pessoal, desfrutando de tudo que a Itália tem a oferecer.

O AM Post apoia a causa autista
blank

Essas crianças autistas não estão fugindo ou escondendo-se, elas, de fato, estão perdidas, à espera de que alguém va ao seu alcance.

- Anne Alvarez

Faça parte da comunidade

  • Praticidade na informação

  • Notícias todos os dias

  • Compartilhe com facilidade

blank WhatsApp Telegram

Apoie o AM POST

O AM POST está há mais de 8 anos produzindo jornalismo sério e de qualidade. É uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Apoie

blank

Últimas notícias

blank
blank
blank
blank
blank
blank