Famosos

Thiaguinho afirma ter sofrido golpe de R$ 9 milhões de empresário

O cantor acusa o empresário de estelionato e lavagem de dinheiro.

Redação AM POST

O cantor Thiaguinho registrou uma ocorrência acusando seu ex-empresário Bruno Azevedo de estelionato e lavagem de dinheiro. No boletim, feito na Delegacia de Defraudações do Rio de Janeiro, em 13 de dezembro, Thiaguinho disse que seu empresário transferiu R$ 9 milhões indevidamente para si, entre 2016 e 2021.

Continua depois da Publicidade

Segundo a coluna de Guilherme Amado, do Metrópoles, a desconfiança do cantor iniciou ao reparar que as aquisições de Bruno Azevedo não eram compatíveis com sua renda, que consistia num salário de 31 mil reais pelo gerenciamento da carreira e participação dos lucros nas empresas do cantor, a Paz & Bem e Thiago e a Híbrido.

A suspeita ganhou força quando o ex-empresário comprou um avião de R$29 milhões.

Em reposta as acusações a defesa do empresário está levantando todo o rendimento de seu cliente para comprovar a legalidade dos lucros ao grupo especializado em estelionato e lavagem de dinheiro da Polícia Civil. Ainda segundo advogados de Bruno, Thiaguinho está usando o Estado para fazer pressão sobre seu cliente. Azevedo e seu advogado planejam entrar na Justiça contra o cantor por denunciação caluniosa.

Continua depois da Publicidade