Vaza áudio de Robinho dando razão a Bolsonaro e dizendo que Rede Globo é do demônio

O atacante prometeu fazer gol e levantar camisa com a frase: “Globo lixo, Bolsonaro tem razão”.

Redação AM POST

Em um conturbado de sua carreira, o jogador Robinho, teve um áudio vazado nas redes sociais nessa sexta-feira (17) em que afirma ser perseguido pela Rede Globo assim como o presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido). Ele foi denunciado de participar de estupro coletivo contra uma mulher albanesa no ano de 2013.

“Bebeto, estou em paz, irmão. Deus está me preparando para algo muito maior. É nesses ataques que você se aproxima de Deus e se prepara. A gente tem ‘N’ exemplos aí… Vocês viram o que eles [Globo] fizeram com o Bolsonaro antes da eleição? Os ataques que eles fizeram? Falaram que ele era isso e aquilo, que era racista, que era fascina, que era assassino… Quanto mais eles batiam no Bolsonaro, mais ele crescia. Estou em paz, de coração, não estou preocupado com eles. O bem sempre vence e a verdade vai aparecer. São pessoas usadas pelo demônio, a gente como é a TV Globo, é uma emissora do demônio. É só você ver as novelas, as programações… Então estou em paz”, disse no áudio.

Continua depois da Publicidade

O atacante prometeu fazer gol e levantar camisa com a frase contra a emissora. “Que se cumpra o propósito de Deus na minha vida. Vou meter gol neles. Vou meter a camisa quando eu meter gol: ‘Globo lixo. Bolsonaro tem razão’”, completou.

“Fala, meu diretor. Desistir jamais, fala para ele ficar em paz, tranquilo. Esses ataques da Globo não vão me afetar. Deus está no controle de tudo. Só blindar minha família dessas coisas. Minha esposa, meus pais e filhos são os que mais sofrem, mas estou tranquilo. Essa emissora não preserva coisas boas, dão ênfase para coisas negativas e querem ganhar ibope. O Santos não tem nada a ver com meus problemas pessoais, mas eu vir ajuda porque acham que o Santos é pequeno. E o Santos é gigante. Acham que os grandes são só os de São Paulo, entendeu? Fala para o Marcelo que estou tranquilão, de boa, me preparando para jogar e meter gol”, declarou Robinho.

Os patrocinadores que ameaçavam abandonar o clube, por causa de Robinho, condenado por estupro na Itália, decidiram ficar.

Continua depois da Publicidade

Ouça áudio:

Esclarecimento
Em entrevista ao UOL, Robinho negou ter tido relação sexual com a jovem, mas que teve o consentimento dela até o momento em que ele teria deixado a cena. Também afirmou que não se lembra de tudo o que aconteceu na madrugada de 22 de janeiro de 2013 e criticou o que chama de “falta de contexto” em trechos da sentença mostrados em reportagem do globo esporte.

Em outro trecho da entrevista, Robinho criticou o movimento feminista. “Infelizmente, existe esse movimento feminista. Muitas mulheres às vezes não são nem mulheres, para falar o português claro. E se levantam contra porque coisas que homens”, afirmou.

Continua depois da Publicidade