Fatos e Versões

Arrependido de aliança com Braga, Marcelo Ramos diz que só subirá no palanque do emedebista neste ano se Lula vier ao AM

Ele revelou em entrevista que se aliar a Braga em 2017 foi uma das piores coisas que fez na vida.


Redação AM POST

O deputado federal Marcelo Ramos (PSD), que vai disputar reeleição no pleito deste ano, afirmou em entrevista a um podcast local que só subirá no palanque do pré-candidato ao governo do Amazonas, senador Eduardo Braga (MDB), se pré-candidato a presidência da República, Lula, vier ao Amazonas. Ele ainda completou dizendo que fará esse esforço por causa de Lula e não pelo emedebista.

Continua depois da Publicidade

A montagem do palanque de Lula no Amazonas, pode ter Braga na composição e gerar o reencontro dele com Marcelo, que já foi seu candidato a vice na eleição suplementar para governo do Amazonas de 2017. Sendo que no pleito do ano anterior Ramos fez um discurso acalorado dizendo que preferiria ‘ajoelhar no milho’ do que caminhar com Braga, o senador Omar Aziz (PSD) e o ex-governador cassado José Melo.

Na entrevista, Marcelo também revelou que se aliar a Braga em 2017 foi uma das piores coisas que fez na vida, que quase arruinou sua carreira política.

Presidência da Câmara
Marcelo, que é ex-vice-presidente da Câmara dos Deputados, também revelou que pretende voltar comandando a Casa Legislativa em 2023 caso se reeleja e Lula vença a disputa pela presidência da República.

Continua depois da Publicidade

“Eu não tenho dúvida sobre. Eu me reelegendo deputado federal e o presidente Lula se elegendo presidente, eu sou um dos nomes possíveis para disputar a presidência da Câmara”, declarou o parlamentar em entrevista ao podcast do Sim&Não.