Manaus

CNH Social: Detran-AM dá início às aulas teóricas e práticas do projeto

Os primeiros contemplados foram recebidos na sede e no Centro de Direção Veicular do Órgão.

Redação AM POST

O Governo do Amazonas, por meio do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) deu início às aulas teóricas e práticas do projeto “CNH Social”, que é um dos três grandes projetos do Programa Detran Cidadão.

Continua depois da Publicidade

A aula inaugural para os contemplados de primeira habilitação nas categorias A e B aconteceu na quinta-feira (02/12), na sede do Departamento, com uma turma de 33 alunos para o curso de legislação de trânsito. A aula prática, para os contemplados com a adição de categoria ocorreu nesta sexta-feira (03/12), no Centro de Treinamento de Direção Veicular (CTDV), bairro Colônia Terra Nova, zona norte de Manaus.

A dona de casa Wilmara de Almeida Barros, 31, fazia parte da primeira turma para tirar a CNH. “Vai me ajudar bastante para que eu possa trabalhar com aplicativo, que no momento é o que está dando dinheiro. É algo que sempre tive vontade de tirar, mas nunca tive uma oportunidade. Agora que consegui, através do projeto, vou abraçar”, relatou.

A parte teórica desta primeira turma está prevista para terminar em uma semana. Serão cinco horas diárias de aula, de segunda a domingo. Ao final, eles serão submetidos a uma prova. Quem passar, segue para a parte prática da formação.

Continua depois da Publicidade

“Sendo aprovados, eles passarão para as aulas práticas de direção e, ao final, também serão submetidos a um exame prático. Em caso de aprovação, eles estarão aptos a receber a primeira CNH”, explicou o diretor-presidente do Detran-AM, Rodrigo de Sá Barbosa.

Aulas Práticas
Por falar em aulas práticas, nesta sexta-feira os selecionados para adição de categoria iniciaram o treinamento. A turma selecionada nessa primeira etapa, para adição e troca de categoria, é composta por 228 alunos, sendo 152 para adição e 76 para troca de categoria.

Continua depois da Publicidade

A operária Brenda de Oliveira, 29, foi uma das contempladas para adição de categoria. Ela já tem CNH na categoria A e iniciou as aulas de direção para obtenção da categoria B.

“Estou muito ansiosa. Eu sempre quis aprender a dirigir carro. Estou muito feliz com essa oportunidade que o Governo está dando para gente, isso vai abrir muitas portas. Como eu tenho a categoria A, adicionando a B vai melhorar muito. Muitas empresas pedem as duas categorias como exigência para trabalho”, disse Brenda.

Continua depois da Publicidade

“Começamos a primeira aula prática de direção com a Brenda, entramos no veículo com ela e o instrutor para dar aquela força e apoio. Espero que ela tenha sucesso e, ao final de todo o processo, consiga conquistar a tão sonhada CNH na categoria B”, concluiu o diretor-presidente, que foi o primeiro passageiro conduzido pela futura motorista de carros.