Manaus

Mais de 44 pares de calçados falsificados são apreendidos em lojas do Centro de Manaus

As investigações em torno do caso iniciaram após a denúncia de um jovem de 23 anos, representante da marca de bolsas e calçados femininos de uma empresa brasileira.


Redação AM POST

A Polícia Civil do Amazonas, por meio da equipe de investigação da Delegacia Especializada em Crimes contra o Consumidor (Decon), sob o comando do delegado Eduardo Paixão, titular da unidade policial, deflagrou na manhã da última segunda-feira (22/7), por volta das 10h30, ação que resultou na apreensão de 44 pares de calçados falsificados, vendidos em duas lojas situadas no bairro Centro, zona sul da capital.

Continua depois da Publicidade

Segundo a autoridade policial, as investigações em torno do caso iniciaram após a denúncia de um jovem de 23 anos, representante da marca de bolsas e calçados femininos de uma empresa brasileira, informando que, no Centro, duas lojas estavam comercializando calçados falsificados da marca em que ele trabalha. Na ocasião, os policiais civis se deslocaram até o local indicado para apurar a informação repassada e confirmaram a ocorrência.

“O representante legal da empresa relatou que as clientes dele estavam alegando que nas lojas do bairro supracitado os valores eram menores, se comparados com os produtos legalizados. O homem foi até duas lojas na região e constatou que os produtos eram falsificados. Em seguida, formalizou a ocorrência na delegacia. Quando entramos na loja verificamos cada produto com o representante, que confirmou a adulteração. Na primeira loja apreendemos 14 pares de tênis, e na segunda loja, 30 pares de sandálias”, disse Eduardo Paixão.

O titular da especializada ressaltou que os proprietários das duas lojas, uma mulher de 52 anos e um homem de 26 anos, assinaram Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) pela comercialização de produtos falsificados. Conforme o delegado, a Decon reitera a confiança do consumidor no sentido de fazer delações, por meio dos canais de denúncias.

Continua depois da Publicidade

Disque-Denúncia – Paixão ressaltou, ainda, que a população pode entrar em contato com a equipe da especializada pelos números (92) 99662-2731 e 3214-22644 para fazer denúncias. A unidade policial funciona nas dependências do 24º Distrito Integrado de Polícia (DIP), na rua Lima Bacuri, bairro Centro, zona sul da capital. “A identidade do denunciante será preservada”, garantiu o delegado.

* Com informações da Assessoria de Imprensa

Continua depois da Publicidade