Manaus

Motorista de carreta acusado de causar acidente que matou gari tem prisão preventiva decretada em Manaus

O homem estava detido temporariamente desde o dia do acidente e participou de audiência de custódia.

Redação AM POST

Após audiência de custódia o motorista da carreta envolvido no acidente que matou o gari Domingos Santana da Silva, de 35 anos, na última segunda-feira (20), teve prisão preventiva decretada. O homem estava detido temporariamente desde o dia do acidente ocorrido nas proximidades da Bola da Suframa, no bairro Distrito Industrial, na Zona Sul de Manaus.

Continua depois da Publicidade

De acordo com a polícia, a carreta bateu em um micro-ônibus do transporte alternativo, conhecido como “Amarelinho”, que rodou na pista e acabou tombando em cima da vítima, que estava realizando serviços de limpeza pública no momento do acidente.

Ainda segundo a polícia, o motorista da carreta estava dirigindo embriagado. Ele fez teste do bafômetro e deu positivo.

Continua depois da Publicidade