Prefeito Arthur anuncia cancelamento da festa de aniversário de Manaus e réveillon por causa da pandemia

Vale lembrar que o Amazonas, sendo Manaus a mais atingida, chegou a ser o epicentro do novo coronavírus no Brasil.

Redação AM POST

O prefeito de Manaus, Arthur Neto, anunciou nesta quarta-feira (16), que não realizará a festa de comemoração dos 351 anos da capital e também o réveillon devido a pandemia do novo coronavírus.

Em 2020, o réveillon ocorreu em três pontos de Manaus: Complexo Turístico da Ponta Negra, zona Oeste; Educandos, zona Sul; e Shopping Phelippe Daou, zona Leste. Mais de 340 mil pessoas presenciaram as festividades. Apenas na Ponta Negra, 250 mil pessoas ocuparam a praia, calçadão, escadaria do anfiteatro e entornos.

Continua depois da Publicidade

Para não passar totalmente em branco, serão feitos alguns atos simbólicos em representatividade as referidas datas.

Vale lembrar que o Amazonas, sendo Manaus a mais atingida, chegou a ser o epicentro do novo coronavírus no Brasil. Atualmente, conforme o último boletim, divulgado pela Fundação de Vigilância em Saúde (FVS-AM) na quarta-feira (16), o estado possui 128.851 casos confirmados da doença e 3.920 mortes.