Manaus

Prefeito de Manaus lamenta morte de seu irmão Delano Almeida

“Já não sei mais o que sentir, falar, ou pensar em relação a dor e sofrimento”, disse David.

Redação AM POST

O prefeito de Manaus, David Almeida (Avante), lamentou nas redes sociais a morte de seu irmão primogênito, Delano Tadeu Pereira de Almeida, 60, ocorrida neste sábado (24.7), por complicações cardíacas. Por 15 anos, Delano se dedicou ao serviço público, tendo atuado nos oito anos da gestão do ex-prefeito, Arthur Virgílio Neto.

Continua depois da Publicidade

“Já não sei mais o que sentir, falar, ou pensar em relação a dor e sofrimento. Só sei, que estou destruído com a perda de meu irmão primogênito Delano Almeida. Mano, ontem conversamos e brincamos. Hoje, ao te visitar, encontro vc desfalecido, sem vida”, lamentou David Almeida.

“Primeiro, Lucia, depois, mamãe, agora vc, mano querido. Não suporto mais tanta dor. Delano Tadeu Pereira de Almeida, meu irmão, meu amigo, meu camarada. Deus te acompanhe. Vou cumprir, o que falamos na quinta, pela manhã, antes de vc fazer o procedimento, irei cuidar da Ângela, do Roosevelt, e do Diego, enquanto eu viver. Irão passar de meus sobrinhos, e se tornarão meus filhos! Todo amor que houver nessa vida, dedico a vc, mano Delo! Deus t abençoe!!!”, disse.

Delano foi por 15 anos um dedicado servidor público da Procuradoria Geral do Município (PGM), além de ter atuado no Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb), sendo admirado por seus pares em todos os ambientes de trabalho. Ele estava lotado na PGM, como chefe de Núcleo de Cadastro Imobiliário, da Superintendência de Registro Imobiliário, Avaliação e Perícia.

Continua depois da Publicidade

View this post on Instagram

Continua depois da Publicidade

A post shared by David Almeida (@davidalmeidaam)

Continua depois da Publicidade