Veja vídeo: revoltado, homem acusa mulher de racismo em shopping de Manaus

O fato gerou revolta na internet e uma juiza federal disse que o caso merece apuração.

Redação AM POST

Circula nas redes sociais um vídeo gravado na noite de quinta-feira (13) de um homem negro acusando uma mulher loira de racismo dentro de um shopping na Zona Centro-Sul de Manaus.

De acordo com testemunhas, a vítima estava na companhia da família quando a mulher teria disparado ofensas contra ele na praça de alimentação do estabelecimento. “Tinha que ser preto!”, teria declarado a acusada.

Continua depois da Publicidade

“Esse país aqui é meu também. Qual o problema? Tá na Suíça? Racista! Quem é você? Tinha que ser preto por quê? Palhaça, tá no país errado!”, dispara o homem revoltado.

Conforme mostram as imagens, a mulher não responde e tenta entrar em uma loja. Um segurança do shopping ainda tentou acalmar os ânimos dos envolvidos.

Confira:

Continua depois da Publicidade

O episódio tomou conta das redes sociais e causou revolta. Tanto que a juíza federal Jaiza Maria Pinto Fraxe, da 7ª Vara Federal Ambiental e Agrária da Seção Judiciária do Estado do Amazonas, se pronunciou sobre o caso e ressaltou que merece apuração e responsabilização.

“Amanheço o dia vendo nas redes sociais episódio de racismo em shopping da cidade de Manaus. Racismo é crime imprescritível e inafiançável, merece apuração e responsabilização. Crianças frequentam shoppings; é muito feio ensinar crianças a serem racistas. Ensinem o respeito a seus filhos”, disse a magistrada.