Pesquisar por em AM POST

Mundo

Trump será julgado por caso de suborno à atriz pornô nesta segunda-feira

Trump é acusado de 34 falsificações de documentos para camuflar como “despesas legais” os pagamentos feitos a ex-atriz pornô.

  • Por AM POST

  • 15/04/2024 às 10:23

  • Leitura em três minutos

Foto: Gage Skidmore

Donald Trump será o primeiro ex-presidente da história dos Estados Unidos a enfrentar a justiça criminal, em um julgamento que começa nesta segunda-feira (15/4), em Nova York. O republicano foi intimado a comparecer às 9h30 no horário local (10h30 de Brasília) a uma audiência para responder um processo sobre o pagamento de US$ 130 mil (equivalente a R$ 660 mil) à ex-atriz pornô Stormy Daniels, a fim de comprar o silêncio dela sobre um relacionamento extraconjugal e proteger a campanha eleitoral de 2016, quando venceu a democrata Hillary Clinton.

O empresário, de 77 anos, não foi acusado pelo pagamento em si, mas por disfarçá-lo como despesas legais da Organização Trump, o que pode resultar em uma pena de até quatro anos de prisão. Trump é acusado de 34 falsificações de documentos contábeis da Organização Trump para camuflar como “despesas legais” os pagamentos feitos a Stormy Daniels, que foram adiantados com dinheiro do então advogado e homem de confiança do ex-presidente, Michael Cohen.

PUBLICIDADE

Atualmente, Michael é grande inimigo de Trump e será uma das principais testemunhas da acusação. O julgamento terá de demonstrar se o ex-presidente tinha consciência dos pagamentos, pelos quais Michael Cohen já foi condenado.

Quando o caso veio à tona, Trump, então presidente dos Estados Unidos, negou qualquer relação com a ex-atriz e afirmou não saber nada sobre o dinheiro. Depois ele admitiu que estava ciente, mas que tratava-se de impedir uma tentativa de “extorsão”. O ex-presidente declarou-se inocente das acusações e afirmou que o julgamento tem “natureza política”.

Por outro lado, a acusação tenta demonstrar que as pessoas próximas a Trump tinham o hábito de encobrir assuntos embaraçosos com dinheiro, com base em outros dois pagamentos: um para comprar o silêncio de um concierge da Trump Tower, que disse que o ex-presidente tinha um filho escondido, e outro para silenciar uma ex-modelo da Playboy, que alegou ter tido um caso com ele.

PUBLICIDADE

O ex-presidente será julgado por um júri composto por 12 cidadãos selecionados entre centenas de moradores de Nova York. Cada um terá que responder a um questionário detalhado sobre a sua opinião a respeito de Trump e a sua própria convicção de que pode julgar o caso com imparcialidade para serem escolhidos pelo juiz, pela defesa e pela acusação.

O tribunal de Nova York prevê que o julgamento dure “entre seis e oito semanas”. A sentença poderá ser anunciada antes das eleições de novembro de 2024, mas não seria um obstáculo para a candidatura de Trump, que enfrentará pela segunda vez o democrata Joe Biden.

PUBLICIDADE

Redação AM POST

Faça parte da comunidade

  • Praticidade na informação

  • Notícias todos os dias

  • Compartilhe com facilidade

blank WhatsApp Telegram

Apoie o AM POST

O AM POST está há mais de 8 anos produzindo jornalismo sério e de qualidade. É uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Apoie

blank

Últimas notícias

blank
blank
blank
blank
blank
blank