Polícia

Adolescente de 13 anos esfaqueia colegas de sala em escola

Uma das vítimas foi esfaqueada no pulmão.


Redação AM POST*

Um adolescente de 13 anos esfaqueou dois colegas de classe dentro de sala de aula durante o intervalo entre uma aula e outra no Colégio Floresta, em São Paulo, nessa terça-feira (22).

Continua depois da Publicidade

Segundo a polícia, foram desferidas 10 facadas em uma das vítimas, uma adolescente de 12 anos e um garoto de 11 anos tentou impedir a agressão do aluno, mas também acabou sendo ferido também. Uma das facadas atingiu o pulmão da menina.

Ainda conforme a polícia, o jovem que cometeu o ataque relatou aos agentes que era vítima de bullying e, por essa razão, resolveu esfaquear a colega de classe. A escola informou que não tinha conhecimento de nenhum atrito entre os dois.

O aluno de 11 anos recebeu atendimento médico e foi liberado, já a menina está internada em um hospital, mas não corre risco de morrer. Em depoimento, a diretora da escola afirmou que levou a aluna para o hospital, e até então, achavam que ela tinha sido atingida por uma caneta, mas os médicos constataram que os ferimentos tinham sido feitos por uma faca.

Continua depois da Publicidade

Além da diretora, o pai do menino que esfaqueou a colega também prestou depoimento. O delegado que conduz o caso afirmou que o menino está em estado de choque. Ele foi levado à Fundação Casa, que é um centro socioeducativo para menores infratores.

Em nota publicada no site do colégio, a instituição disse que “as aulas e as atividades nos dias 23, 24 e 25 de março ficam suspensas para todos os alunos” e que o retorno das atividades deve ocorrer na próxima segunda-feira (28).

Continua depois da Publicidade

“Agradecemos, desde já, as várias manifestações de apoio e solidariedade não só junto à nossa Instituição, mas, principalmente, perante todos os envolvidos, em busca da verdade dos fatos”, diz o comunicado.