Polícia

Blogueira é presa em flagrante ao usar cartão clonado para pagar hospedagem

A Polícia Civil acredita que ela fazia várias viagens que ostentava nas redes sociais usando cartões clonados.


Redação AM POST*

Ingrid Caroline Borges Gonçalves, 20, foi presa ontem (24), quando tentava pagar a estadia de um apartamento de temporada no Leblon, com cartões de créditos clonados.

Continua depois da Publicidade

A jovem, que também é influencer e tem 188 mil seguidores no Instagram, foi autuada pelo crime de tentativa de estelionato. Em suas redes sociais, ela ostenta fotos viajando por diversos estados, como Paraíba, Rio Grande do Norte, São Paulo e Rio de Janeiro. A Polícia Civil acredita que ela fazia essas viagens usando cartões clonados.

De acordo com a delegada Camila Lourenço, responsável pelo caso, a Polícia Civil chegou até a jovem após serem procurados pela administradora da plataforma de hospedagem, que desconfiou da reserva.

“Fomos procurados por uma plataforma de hospedagem que promove a locação virtual de imóveis. Foi feita uma reserva em um apartamento no Leblon no mesmo dia em que seria feita a hospedagem, a reserva feita no dia de ontem (segunda-feira) para ontem mesmo, e eles constataram isso como uma ação suspeita, porque, normalmente, as pessoas que locam os imóveis por lá já são clientes conhecidos. Os desconhecidos fazem a locação com eles, mas por intermédio de outras plataformas digitais. Então, eles entenderam que a operação era suspeita e aguardaram a menina no momento do checkin”, explicou Camila.

Continua depois da Publicidade

Ingrid foi surpreendida no momento em que chegava no apartamento, na Avenida General San Martin, para realizar o check-in. Segundo a distrital, ao ser questionada sobre o seu cartão de crédito, ela acabou confessando que usou um cartão clonado.

A delegada informou que as investigações irão continuar para identificar mais suspeitos envolvidos nessa prática criminosa.

Continua depois da Publicidade

*Com informações de O Dia