Cabeleireiro morre no HPS João Lúcio após ter sido espancado por população

Ele estava sendo acusado de ter tentado roubar uma moto.

Redação AM POST

Um cabeleireiro, identificado como Rian Saimir de Freitas, de 17 anos, morreu após ser espancado por população que o acusava de ter tentado roubar uma moto, na noite de quinta-feira (6), na avenida Autaz Mirim, comunidade Braga Mendes, bairro Cidade de Deus, na Zona Leste de Manaus.

De acordo com a polícia, a população revoltada espancou Rian e golpeou principalmente sua cabeça. Policiais conseguiram fazer o resgate da vítima ainda com vida, inconsciente jogado em via pública. Em seguida ele foi levado com urgência para o Hospital e Pronto-Socorro (HPS) João Lúcio, mas não resistiu e morreu.

Continua depois da Publicidade

Não há informações sobre como teria ocorrido a suposta, tentativa de roubo que o jovem foi acusado. E o crime ainda não foi confirmado pela polícia.

O caso segue sendo investigado pela Polícia Civil.