Polícia

Cadeirante é preso por esfaquear e matar colega durante bebedeira em bar de Manaus

Segundo a polícia o crime foi motivado porque a vítima não queria dar dinheiro para comprar bebida.

Redação AM POST

O cadeirante, Paulo Henrique Mendes, foi preso nesta quinta-feira (23) suspeito de ter esfaqueado e matado no dia 17 de outubro o pedreiro Samuel Ferreira, 41, na rua da Prosperidade, bairro Alvorada, Zona Centro-Oeste de Manaus.

Continua depois da Publicidade

De acordo com a polícia, o homem cravou uma faca no peito de seu colega após discussão no momento em que estavam bebendo com um grupo de amigos. A motivação do crime foi porque a vítima não quis lhe dar dinheiro para comprar bebida e aproveitou que a mesma estava sentada para desferir o golpe fatal.

“Paulo Henrique pediu uma certa quantia em dinheiro a Samuel, para comprar mais bebidas alcoólicas, mas a vítima recusou o pedido. Nesse momento, o infrator desferiu quatro golpes de faca contra Samuel. Um dos golpes atingiu o coração da vítima, que chegou a ser encaminhado a uma unidade hospitalar, mas não resistiu aos ferimentos e foi a óbito”, disse o delegado Márcio André, adjunto da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Um dos golpes atingiu o coração da vítima, que morreu dois dias depois no Hospital 28 de Agosto.

Continua depois da Publicidade

Segundo a autoridade policial, após as equipes tomarem conhecimento sobre o crime, as investigações iniciaram e foi constatado o envolvimento de Paulo Henrique no fato. Com base nisso, foi solicitada à Justiça pelo mandado de prisão em nome dele, e a ordem judicial foi expedida pelo juiz Rafael Rocha Lima, da Central de Inquéritos.

Com a ordem judicial decretada, os policiais seguiram em diligências em busca do infrator, e ele foi localizado e preso na casa onde estava morando, também no bairro Alvorada.

Continua depois da Publicidade

O indivíduo foi indiciado por homicídio. Ele seguirá para a Central de Recebimento e Triagem (CRT), onde ficará à disposição do Poder Judiciário.