O portal de notícias da Amazônia



Polícia

Casa de prostituição anunciada na internet que rifava mulheres é fechada em festa de comemoração

Além disso, o local também anunciava apresentações de mulheres tendo relações sexuais “ao vivo”.

  • Por AM POST

  • 12/02/2024 às 08:01

  • Atualizado em 12/02/2024 às 07:32

  • Leitura em 1 minuto

blank

Foto: Divulgação/Polícia Civil

No último sábado (11/2), a Polícia Civil de Água Clara, em conjunto com o Setor de Investigações Gerais (SOG) de Três Lagoas, realizou uma operação para fechar o “Bar da Mel”, uma casa de prostituição que havia anunciado uma festa para comemorar o primeiro ano de funcionamento.

O estabelecimento, que ganhou notoriedade pelas redes sociais, promovia uma programação controversa, incluindo striptease a cada meia hora, exibição de vídeos com conteúdo sexual e uma rifa no valor de R$ 50 “valendo a noite inteira com uma mulher”. Além disso, o local também anunciava apresentações de mulheres tendo relações sexuais “ao vivo”.

PUBLICIDADE

As autoridades responsáveis pela operação esclareceram que o bar frequentemente realizava bingos e rifas com diferentes prêmios, incluindo noites com mulheres e atos sexuais. Embora a prostituição não seja considerada crime no Brasil, a exploração sexual de terceiros configura uma infração. No caso das rifas promovidas pelo estabelecimento, as profissionais do sexo não tinham autonomia para escolher os clientes ou determinar os valores cobrados.

A operação resultou na prisão da proprietária do local, que foi conduzida à delegacia para prestar esclarecimentos. A mulher poderá enfrentar acusações relacionadas à manutenção da casa de prostituição, exploração de jogos de azar e exercício irregular de profissão.

Redação AM POST

Faça parte da comunidade

  • Praticidade na informação

  • Notícias todos os dias

  • Compartilhe com facilidade

blank WhatsApp Telegram

Apoie o AM POST

O AM POST está há mais de 8 anos produzindo jornalismo sério e de qualidade. É uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Apoie

blank

Últimas notícias

blank
blank
blank
blank
blank
blank