Pesquisar por em AM POST

Polícia

Dono de restaurante em Manaus abriu comércio com dinheiro de latrocínio, diz PC

Delegado disse que empresário era líder de quadrilha.

  • Por AM POST

  • 19/06/2024 às 11:25

  • Atualizado em 19/06/2024 às 11:26

  • Leitura em 1 minuto

Notícias de Manaus – A Polícia Civil deu detalhes sobre o latrocínio que teve como vítima Laelson Bezerra da Silva, 67, em Pernambuco, em 2016, no município de Goiana, em Pernambuco. O suspeito de participar do crime foi Cláudio Alberto da Silva, mais conhecido como “Scania”, preso em Manaus na terça-feira (18), por uma equipe operacional do 1º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

De acordo com o delegado Cícero Túlio, Cláudio era líder de uma quadrilha, e na ocasião do crime, a vítima foi assassinada com 4 tiros, sendo 2 na cabeça.

PUBLICIDADE

Outros integrantes do grupo criminosos foram presos durante uma operação, apenas Cláudio conseguiu fugir.

“Ele ficou na condição de foragido, tendo permanecido nessa condição escondido aqui no estado do Amazonas por cerca de oito anos,  o processo ocorreu por lá pelo Pernambuco e ele foi condenado a 18 anos de reclusão (…) com o fruto do crime, cerca de meio milhão de reais, ele acabou abrindo um empreendimento comercial aqui na cidade, um restaurante temático de comidas típicas do nordeste”, explicou o delegado Cícero Túlio.

Ainda segundo o delegado, Cláudio foi preso nas mediações do restaurante, mas negou que tenha tido envolvimento com o crime.

PUBLICIDADE

Ele passará por audiência de custódia nesta quarta-feira (19), e deve ser recambiado nos próximos dias.

O AM Post apoia a causa autista
blank

Autismo: Todos na mesma maré, mas em embarcações diferentes.

- Gretchen Stipp

Faça parte da comunidade

  • Praticidade na informação

  • Notícias todos os dias

  • Compartilhe com facilidade

blank WhatsApp Telegram

Apoie o AM POST

O AM POST está há mais de 8 anos produzindo jornalismo sério e de qualidade. É uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Apoie

blank

Últimas notícias

blank
blank
blank
blank
blank
blank