Polícia

‘Escobar Brasileiro’, um dos maiores narcotraficantes do mundo, é preso na Hungria

Conhecido como um dos maiores traficantes de drogas do Brasil e do mundo, Carvalho estava na capital húngara com um passaporte falso e não resistiu à prisão.


Redação AM POST

Sérgio Roberto de Carvalho, o Major Carvalho, de 63 anos, foi preso nesta terça-feira, 21, em Hungria, Budapeste. Conhecido como um dos maiores traficantes de drogas do Brasil e do mundo, Carvalho estava na capital húngara com um passaporte falso e não resistiu à prisão.

Continua depois da Publicidade

Ele estava foragido desde 2018, quando chegou a comandar operações internacionais utilizando vários pontos do Brasil, incluindo o Porto de Natal. Segundo processos obtidos pela Tribuna do Norte, o método usado para driblar a Receita e a Polícia Federal era o Rip On/Rip Off, onde o lacre do contêiner era quebrado para a inserção da droga (Rip On), sendo trocado por outro lacre, em um processo realizado sem o consentimento do exportador/importador da carga ilícita.

A Polícia Federal aponta que Major Carvalho comandava uma grande organização criminosa, responsável pelo envio de 45 toneladas de cocaína para Europa, avaliada em R$ 2,25 bilhões, a partir de 2017. Ainda não foi confirmado se ele ficará preso na Europa ou se será extraditado para o Brasil.