Pesquisar por em AM POST

Polícia

Homem é preso por aliciar crianças com menos de 10 anos para gravar material pornográfico em Manaus

Segundo a DEPCA, ele muitas vezes atuava com as crianças nas cenas obscenas.

  • Por AM POST

  • 25/02/2022 às 14:18

  • Atualizado em 26/02/2022 às 11:56

  • Leitura em dois minutos

Redação AM POST

Após receber liberdade provisória, um homem de 24 anos foi preso novamente nessa quinta-feira (24) em cumprimento de mandado, devido cinco vítimas comparecerem a Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (DEPCA) e denunciaram abusos sexuais e extorsão. Ele é suspeito de armazenar 800 mídias de pornografia infantil, além de estupro de vulnerável e extorsão contra menores.

PUBLICIDADE

De acordo com a delegada Joyce Coelho, titular da unidade especializada, na terça-feira (22/02), as equipes efetuaram a prisão em flagrante do infrator, pelo armazenamento de mídias pornográficas infantis. Entretanto, em audiência de custódia, o jovem foi liberado para responder ao processo em liberdade.

“Após a divulgação da primeira prisão, nós identificamos crianças com menos de 10 anos de idade, vítimas de abusos sexuais praticados pelo indivíduo. Elas eram próximas a ele por laços familiares ou afetivos e, desse modo, ele as aliciava para gravar material pornográfico, muitas vezes atuando com as crianças nas cenas”, explicou a delegada.

Conforme a autoridade policial, quatro Inquéritos Policiais (IPs) foram instaurados, comprovando que o jovem seria autor dos crimes de estupro de vulnerável, extorsão e exploração sexual.

PUBLICIDADE

“Considerando a gravidade dos delitos, representamos pela prisão do indivíduo. A ordem judicial foi deferida pelo Poder Judiciário e cumprida na data de ontem (24/02). As investigações prosseguem para identificar as vítimas aliciadas por meio virtual. Continuaremos atuantes para combater a prática destes crimes e de outros, visando preservar a integridade e segurança das crianças e adolescentes”, ressaltou a delegada.

O mandado de prisão temporária foi expedido na quinta-feira (23/02), pela juíza Eline Paixão e Silva Gurgel, da Central de Inquéritos.

PUBLICIDADE

O indivíduo responderá pelos crimes de estupro de vulnerável, armazenamento de mídias de cunho pornográfico infantil e extorsão, e ficará à disposição do Poder Judiciário.

Faça parte da comunidade

  • Praticidade na informação

  • Notícias todos os dias

  • Compartilhe com facilidade

blank WhatsApp Telegram

Apoie o AM POST

O AM POST está há mais de 8 anos produzindo jornalismo sério e de qualidade. É uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Apoie

blank

Últimas notícias

blank
blank
blank
blank
blank
blank