Pesquisar por em AM POST

Polícia

Homem é preso suspeito de criar pássaros silvestres em criadouro ilegal

O suspeito e os animais foram conduzidos à Delegacia Especializada de Crimes contra o Meio Ambiente (Dema).

  • Por AM POST

  • 17/10/2019 às 16:42

  • Leitura em 1 minuto

Redação AM POST*

O Comando de Policiamento Ambiental apreendeu, na tarde desta quinta-feira (17/10), 21 pássaros silvestres de várias espécies. A ação aconteceu após denúncia anônima informando a existência de um criadouro ilegal de passeriformes silvestres nativos, localizado na rua Gualter, no bairro de Petrópolis, zona sul.

PUBLICIDADE

Segundo informações da guarnição que atendeu à ocorrência, ao chegar à residência, o proprietário foi questionado e apresentou a Licença Ambiental Única (LAU) e a relação de passeriformes expedido pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). No entanto, entre as aves havia espécies não autorizadas pelo órgão ambiental competente, e o proprietário também mantinha no local um número de pássaros superior aos registrados na licença.

O suspeito e os animais foram conduzidos à Delegacia Especializada de Crimes contra o Meio Ambiente (Dema).

O Batalhão de Policiamento Ambiental (BPAMB) informa à população que criar, guardar, transportar, capturar ou caçar animais silvestres sem autorização do órgão Ambiental competente, configura crime ambiental, sujeitando seu(s) autor(es) às penalidades previstas na Lei.

PUBLICIDADE

Denúncias via Whatsapp
Informações e denúncias podem ser feitas diretamente ao BPAMB pelos números (92) 98842-1547/98842-1553, ou diretamente no endereço da Unidade, localizada na avenida Santos Dumont, s/nº, Tarumã, no prédio onde também funciona a Amazonastur.

*Com informações da Assessoria de Imprensa

PUBLICIDADE

Faça parte da comunidade

  • Praticidade na informação

  • Notícias todos os dias

  • Compartilhe com facilidade

WhatsApp Telegram

Apoie o AM POST

O AM POST está há mais de 8 anos produzindo jornalismo sério e de qualidade. É uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Apoie

blank

Últimas notícias

blank
blank
blank
blank
blank
blank