Polícia

Homem mata madrasta a facadas e envia áudio para o pai: ‘matei com gosto’

Na gravação, o suspeito, fala sobre uma discussão que houve entre a vítima e a avó dele, a qual ele chama de mãe.


Redação AM POST

Um homem de 24 anos, foi preso suspeito de matar com mais de 20 facadas a madrasta identificada como Neide Aparecida Ribeiro, de 45 anos, na madrugada desta quinta-feira (12), no Paraná. O rapaz avisou o pai sobre o crime por meio de um áudio enviado em um aplicativo de mensagens.

Continua depois da Publicidade

Segundo o pai, após cometer o crime, na casa onde moravam, o rapaz enviou um áudio confessando ter assassinado a madrasta. Segundo ele, o motivo foi um desentendimento familiar.

Uma criança de 10 anos, que é filha da mulher, estava na residência no momento em que o crime aconteceu. A menor viu a mãe ser esfaqueada e com medo se escondeu embaixo de uma cama.

Na gravação, o suspeito, de 24 anos, fala sobre uma discussão que houve entre a vítima e a avó dele, a qual ele chama de mãe.

Continua depois da Publicidade

“Ela falou assim: ‘morri, morri’. Eu falei: ‘morreu o c…, rapaz. Você vai pagar o que você xingou a minha mãe’ […] Matei mesmo, matei com gosto. Matei mesmo. Toma, toma facada para acordar para a vida”, disse o suspeito em áudio.

O pai do suspeito e a vítima estavam juntos há sete anos.

Continua depois da Publicidade